Subscribe:

15 de dezembro de 2010

Sala de Visita- Entrevista



Hoje nosso entrevistado será nosso
querido e amado Pr. Guedes.
Seja bem vindo meu amigo.
Fiquem a vontade para perguntar
o que quiserem a este homem de Deus. Paz!





Nome: Francisco Guedes Maia, mas sou mais conhecido por Guedes, ou Pr. Guedes.
Idade: 46 anos

Casado ou solteiro? Bem casado coma mulher mais linda do mundo: Regeane. Temos dois filhos Daniel (11 anos) e Sara Monalisa (02 anos).


De onde? Jaguaribe, CE

O que faz? Vivo em período integral, dou plantões na Sede da Assembléia de Deus, ministério Belém, na Lapa, Bairro de São Paulo, auxilio o Pr. Flauzilino de Araújo nos sites www.assembleia.org.br e www.telepaz.com.br e Coordeno o Departamento de Famílias do Setor da Lapa com cerca de 80 congregações, além de dar aula de Teologia no Curso Médio da Faesp (extensão Lapa). Ah, tenho também o blog e outras atividades menores.

Onde pastoreia? Não pastoreio atualmente. Aliás, por coincidência estou pastoreando por 15 dias uma congregação aqui na Lapa, mas somente até chegar o pastor definitivo. Já pastoreei 03 congregações (o1
em São Paulo e 02 em Americana).


Pr. Guedes na net: Na net, tenho o blog www.pastorguedes.blogspot.com que convido todos a visitar e seguir e tenho também twitter, facebook e orkut, mas os usos pouco. Na net, o que gosto mesmo é de blogar!

Como é o relacionamento com a família? Graças a Deus, ótimo! Temos um filho entrando na pré-adolescência (na verdade tem 10 anos e vai fazer 11 somente em Março, mas, como não quer ser mais tratado como criança, já diz para todo mundo que tem 11) e uma pequenina que está falando tudo. Minha esposa é muito paciente comigo. Não somos perfeitos, mas as coisas se ajustam muito mais pela compreensão dela do que minha.
.
O que acha do meio Evangélico no momento? Penso que está entrando em fase de colapso ou crise sem volta. Com a proximidade da Vinda do Senhor Jesus, muitas igrejas novas, que estão nascendo sem estrutura, sem histórico e respaldo de ministérios ou convenções, estão atravessando a ortodoxia a seu bel prazer em busca de uma autoridade ou carisma que não se confirma na condução de suas lideranças. Talvez o maior problema do movimento evangélico hoje seja a credibilidade. Estamos perdendo credibilidade em todas as áreas da sociedade por conta de uma dúzia de gente insana pala busca do poder e de espaço na mídia a qualquer preço. Isso sem falar que está afetando toda a gama de igrejas e líderes menores.

Você acredita que a Blogosfera Cristã tem influenciado nesta eleição de 2010? Sim, sem dúvida! Mas, poderia ter feito mais se houvesse uma união de blogueiros cristãos. Sei que já existe uma, mas o modelo deveria ser outro. Assim como existe Aliança Evangélica, deveria haver uma aliança de blogueiros cristãos, mas, infelizmente, o que se vê é cada um cuidando de seus próprios interesses e cada vez mais, com algumas exceções, se distanciando dessa possibilidade. Mas, a política deu uma virada no primeiro para o segundo turno com influência dos blogs cristãos sim, principalmente quando as questões eram éticas e de direito à vida e liberdade de expressão: aborto e casamento entre homossexuais.

O Que você mais admira em alguém? O caráter. Por isso falo tanto sobre a diferença entre carisma e caráter em meu blog. Outra característica que admiro nas pessoas é a simplicidade. Conheço pessoas que usam seus talentos para se envaidecerem, pensando serem alguma coisa e desprezam as pessoas simples de onde vieram.

Tem orgulho de alguém ou de si mesmo? Tenho orgulho da minha família! Somos pessoas que nasceram pobres e nunca embalamos o sonho de sermos ricos a qualquer preço ou sermos famosos a todo custo. Ainda ontem no faceebook alguém perguntou: “O que o pastor Guedes faria se ele fosse famoso?” e uma jovem respondeu: “Ele já é”. Eu respondi rindo: “Sou não, kkk” porque não busco isso. Minha visão cristã é outra (João 3.30).

Tens apelido? Não. Tinha quando criança, mas não sou louco de revelar em rede kkk.

Não conseguiria viver sem... Jesus! Ele é tudo para mim! Sem a Graça, não poderia viver! Sem perdão, minha vida seria inimaginável. Sem o Espírito Santo, não conseguiria... Minha história seria outra! Hoje, não conseguiria viver sem minha família (esposa e filhos).

Quais seus Livros e autores preferidos? Gosto do A Cruz de Cristo (John Stott), O Fator Melquisede (Don Richardson), Vidas Secas (Graciliano Ramos), A Metamorfose e Cartas ao Pai (Franz Kafka), entre outros, e tenho uma inclinação por livros de Teologia.

Que tipo de música curte? Gosto mesmo de música evangélica, gospel, sacra clássica e de alguns autores populares. Não vou negar que admiro a poesia de Chico Buarque de Holanda, Caetano Veloso e um grupo de poetas que surgiu em um movimento cearense pelas artes: Fagner, Belchior, Fausto Nilo e outros.

Seus filmes preferidos: Sonhos (Akira Kurosawa), A Lista de Shindler, Uma Mente Brilhante. Gosto de filmes de arte, que me façam pensar e não suporto os filmes “hollywoodyanos” explodindo dezenas de carros e sangue jorrando com tantos tiros. Também aprecio filmes baseados em fatos reais e de boa ficção. Não gosto de filmes que eu não possa assistir com minha família, como os nacionais que têm muitos palavrões, imoralidade e violência.

Vida: Nasci no interior do Ceará em uma família paupérrima, por isso tudo o que tenho hoje me parece tão rico! Quando olho para trás e vejo de onde saí e como estou agora, só me permito dizer que a vida é boa quando se tem progresso, crescimento, educação, saúde, lazer, espiritualidade (ou fé, uma vez que espirituais todos somos) e vida igualitária na igreja. Amo a vida e já fiz planos para morrer aos 60 anos, mas quando vi que estou me aproximando, pedi a Deus a mesma bênção do rei Ezequias: pelo menos mais 15 anos kkkk.


Tem medo da morte? Já tive. Hoje não tenho mais! Também não vou dizer que a desejo. Tem uma poetisa portuguesa (Flor Bela Espanca) que gosto de suas poesias um tanto deprimente (também acho Fernando Pessoa deprimente), mas não amo a morte. Quero viver muito com saúde e em paz com Deus e meus irmãos!

Tens alguma mania? De contar. Conto os degraus que subo, conto os bancos das igrejas, contos os irmãos no culto, conto quantas vezes preciso balançar a Monalisa antes de ela dormir, conto os seguidores e as visitas do blog, etc. kkk. Conto quantas vezes os amigos entram no meu blog. E agora com aquelas estatísticas que os blogs têm... kkk

Um momento inesquecível: A Minha conversão e batismo. Meu casamento e o nascimento dos meus filhos (presenciei o parto): Aleluia!!!

O que te deixa feliz? A salvação de uma alma, a presença manifesta do Espírito na Igreja, o sorriso dos meus filhos e da minha esposa.

Blogs que recomenda: Ro, não faça isso comigo! São tantos... Vou tentar descrever: Mulheres Sábias, Susto de Amor, Alberto Couto, Pointh Rema, Blog do Natanael, Blog do Pr. Gualter Guedes, Blog do Pr. Genivaldo, Blog do Pr. Renan, Blog do Pr. Cássio, Blog do Pr. Flávio Constantino, Blog do Elian – Phildelphia, evangelismo e louvor, Blog do Hermes, Blog do Pr. Newton Carpinteiro, Blog do Eliel Gaby, Blog do Geremias do Couto, Blog do Lucas Marim, Kenosis, Blog Marcelo Oliveira(Davarelohim), Blog do Robson Silva( Prossigo para o Alvo)entre outros.

Como foi a sua conversão a Jesus? Tudo começou com evangelismo na sala de aula. Já havia lido a Bíblia e Mateus 24 sempre mexia comigo. Não demorou muito para meus amigos perceberem que eu era uma pessoa aberta para o Evangelho. Antes da conversão fui católico praticante com inclinação para a vocação sacerdotal, inclusive sendo iniciado no serviço pastoral pelo auxiliar direto de Dom Aloísio, lá em Fortaleza, mas meus amigos na escola foram mais eficazes em sua evangelização e me converti no dia 12.09.82. Batizado nas águas em 01.01.83. Depois de alguns anos me afastei do Evangelho e aí conheci tudo o que não conhecia como bebidas, drogas, prostituição, violência e outras coisas que prefiro não falar. Quando estava desesperado, sem saída, pensei que a solução fosse o suicídio. Foi quando o Espírito Santo me lembrou, qual filho pródigo, dos prazeres e abastança na casa do Pai. Voltei para o meu lugar e desde lá venho sendo salvo todos os dias pela Graça de Deus!!!

Poderia compartilhar um pouco de sua história, contexto social e área de serviço de maior força no Ministério Cristão? Conheci o Senhor Jesus aos dezoito e fiquei cerca de dois anos “boiando” sem saber para que eu serviria no Reino, depois de um tempo fora da igreja, onde conheci o pecado em seu lado mais pecaminoso, voltei e entendi que seria um pregador do Evangelho. Já pregava nas ruas de Fortaleza e na época das cruzadas em cima de uma carroceria de caminhão e palanques cercados de grandes caixas de som, mas preguei também aqui
em São Paulo na Praça da Sé, Pça. da Liberdade, Pça. Ramos de Azevedo, Pça. da República, etc. . Logo, comecei como pregador de praça e de rua. Hoje esse sistema de pregação está um pouco esquecido e comecei a pregar nas igrejas. A coisa que mais amo fazer é pregar, estar em um púlpito ou diante de uma sala de EBD ou de Teologia. Secularmente, fiz Direito até o 2º. Ano e exerci a gerência de um banco privado, mas logo percebi que meu negócio era igreja e teologia. Comprei uma pizzaria somente para não casar desempregado, mas sabia de antemão que aquilo não era de Deus (o negócio da pizzaria), mas depois deu errado e comecei a dar aulas de teologia, ganhando muito pouco e dirigindo igrejas, ganhando menos ainda.

Sua formação pastoral vem de qual Seminário Teológico? Estudei Teologia na antiga ESTE (Escola Superior de Teologia Evangélica), mas conclui meu Curso na cidade de Americana. Hoje faço uma reciclagem na Metodista, procurando dialogar com outros pensamentos teológicos.

Em que momento da vida aconteceu sua chamada ministerial? Difícil determinar, mas lembro-me que quando novo convertido lutava comigo mesmo para descobrir onde seria minha área de atuação. Foi somente depois de meu retorno definitivo que compreendi que minha chamada era para a palavra: pregação e ensino. Dirigi a primeira igreja há 13 anos, mas já servia o ministério há pelo menos uns 7 anos.

Existe preconceito dentro dos arraiais evangélicos? Infelizmente sim. Não podemos tapar o sol com uma peneira. Em alguns lugares os pobres são tratados como “os irmãozinhos”. Dirigi uma igreja onde alguns irmãos se auto-entitulavam “a diretoria” e que aquela igreja, segundo eles, era elitizada. Serviam coca-cola para alguns e guaranás de marcas baratas para outros. Acabei com aquela festa, pregando que aquela igreja seria invadida por prostitutas, miseráveis, e gadarenos para serem libertos... E que Deus não faz acepção de pessoas! E assim foi.

Qual o seu maior orgulho? Tenho orgulho da minha família ascendentes e descendentes, tenho um santo orgulho do ministério que Deus me confiou.

Uma frase ou lema: “Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios tentar salvar alguns”

Qual a maior anseio de sua vida? Depois do Céu e a vida eterna, a obra missionária.

O que acha da relação entre os evangélicos e a internet? Boa, mas poderia ser melhor se não tivesse tanta gente comprometida somente com seu próprio umbigo.

A igreja brasileira ainda está engatinhando teologicamente? Como avalia? Sou um defensor da libertação da teologia brasileira das amarras da teologia pragmática americana. Na minha ótica, podemos desenvolver uma teologia “tupiniquim”, mas não podemos abrir mão dos fundamentos herdados, principalmente, pelas igrejas européias, fruto da teologia acadêmica alemã. Há bons teólogos na América, mas a teologia dos “7 passos”, “10 segredos”, “3 coisas que você precisa saber”, nunca me agradou. Penso que podemos fazer igreja sem essa relação com o enlatado. Em termos de teologia creio que deixamos de engatinhar, mas ainda andamos precisando segurar em algumas coisas (desde que não seja em obra como a do Max Lucado e outros). Sou a favor da emancipação dos escritores nacionais e contra o que fazem as editoras nacionais, dando preferência às obras dos estrangeiros somente porque têm nome. Aliás, nossas editoras (salvo alguma exceção) vendem o nome do autor e exaltam os “gringos” como profundos, enquanto na maioria, o que se vê é muita superficialidades e marketing agressivo.

Muitas mídias evangélicas acabam prestando um desserviço, mudando o foco do genuíno cristianismo. Nessa perspectiva, qual o seu ponto de vista quanto à blogosfera cristã? É mais ou menos o que respondi acima. Perdem o foco em nome de interesses próprios e não do Reino. Temos amigos blogueiros (que podem até não gostar), cujos blogs exaltam tanto sua agenda e suas obras, que mais parece com o site do Mike Murdock, já entrou lá? Aquilo parece um “cassino”. Alegam que seus blogs são cristocêntricos, combatem o antropocentrismo, mas seus espaços são egocentristas. Pessoas assim conseguem fazer, na blogosfera, “discípulos” para si e não discípulos de Cristo!

O que caracteriza a sua espiritualidade? Sou cristão evangélico pentecostal, creio na atualidade dos dons espirituais como em Atos 2, 8, 10, 19, creio em milagres e na manifestação dos dons do Espírito, mas minha espiritualidade tende a ser crítica e reflexiva, não dada a extremos e fanatismos. Julgo as profecias, os milagres, a inspiração do compositor, do poeta, do pregador, do músico, do blogueiro, segundo (o direito que me dá) a Escritura Sagrada e não aceito imposições à minha crença.

As principais linhas teológicas no Brasil são os Arminianos e Calvinistas, relativamente separados pelas questões dos dons espirituais (me corrija se estiver errada). Qual a sua linha teológica? E o que pensa sobre a Teologia da Libertação? Relativamente separados pelas questões dos dons sim, mas envolvem mais coisas, como conceitos doutrinários. Todavia, Tanto o Calvinimos como o Arminianismo têm verdades expressas e bíblicas, portanto, acredito que é possível se fazer uma síntese. Se tiver que optar por um (para não ficar em cima do muro), considero-me arminianista, mas com uma queda acentuada pelo Calvinismo. Gosto dos conceitos da Teologia da Libertação: o cuidado com os pobres, o conceito de libertação, a visão da injustiça social e igualdade entre os irmãos. Essas coisas me chamam muito a atenção, mas creio ser possível fazer teologia sem abraçar os princípios marxista-leninistas e penso que a resposta evangélica foi dada em Lausanne e a opção que sobrevive é a chamada Missão Integral, que admiro. Na prática a Teologia da Libertação se torna inviável devido à radicalidade conceitual e a proposta de pegar em armas não me agrada.

No contexto atual, a Igreja tem cumprido o seu chamado missionário? Apesar dos esforços de muita gente séria, creio que não. Há muito que se fazer. Há muitos povos sem representação evangélica, sem uma igreja sequer, cujo percentual evangélico é de 0,1%, povos sem Bíblias em sua língua nativa ou dialetos. Os esforços de alguns poucos esbarram na acomodação de muitos que descobrem que a igreja é fonte de lucro. Poderíamos fazer muito mais, todas as denominações.

Politicamente, como você se posiciona? Sou de centro esquerda.

O que te faz rir? E o que te faz chorar? Muitas coisas: erros de pregações (minhas), palavras trocadas, erros de português com minha família
em casa. Prometemos nos auto policiarmos para tentarmos falar melhor, mas somos carentes kkk. Rio muito com os pastores amigos e gosto de brincar com os membros da igreja. Não acho que isso tira a autoridade, mas entendo que, se não desaguar nas chocarrices, tem tudo para ser (e é) alegria, manifestação do fruto do Espírito. Choro quando vejo crianças recém-nascidas jogadas em latas de lixo ou esgotos, choro com a miséria, choro com o desamparo de milhões de almas sem Deus no mundo.

O que te deixa assustado?

O crescimento da apostasia em nossa geração (como será na geração de nossos filhos?!).

Qual a maior aspiração de sua vida? Depois do Céu, plantar igrejas em solo onde o cristianismo ainda não chegou.


Cite 10 pessoas que marcaram a sua vida cristã e explique a razão. Pastores, irmãos em Cristo mais próximos de você... Pr. Assis, meu primeiro pastor; Pr. Laelson, o segundo, não sabia ler, mas sabia ser amável; Roberval (hoje pastor), meu primeiro professor de EBD que me fez gostar de estudar a Bíblia; Henrique Jorge e Ladghelson, pelas cruzadas que realizamos na capital e no interior cearense; Ricardo Gondim (não atualmente, mas quando abalava os templos de Fortaleza com suas mensagens), por me inspirar a pregar; Pr. Adeli, por reconhecer minha chamada e colocar-me para dirigir uma igreja ainda como cooperador e quando minha esposa tinha apenas 18 anos de idade; Pr. Antonio Munhoz, por me levar ao pastorado e conceder-me o privilégio de, assentado ao seu lado, ouvir histórias de milagres e operações de Deus, que hoje os assembleianos modernos duvidariam; Pr. José Prado Veiga, meu atual pastor: É meu Amigo e me concedeu a oportunidade de retornar a São Paulo e aprender a servir a Deus com um homem íntegro. Talvez de todos eles quem mais me influenciou diretamente na minha vida cristã, foi o Pr. Veiga. Não posso deixar de agradecer a Deus pela oportunidade de trabalhar também ao lado do Pr. Flauzilino de Araújo. Também o pensamento de Martin Luther King mexeu muito com meus valores cristãos. Sou um admirador de sua obra e sermões.

Como ocorreu seu primeiro contato com blogs? Um amigo chamado Mauro, professor de teologia da Faesp, disse-me que eu deveria criar um blog e escrever um livro. A princípio achei meio tolo, mas depois entrei na internet e comecei a descobrir como se faz. Abri um no Terra, mas fechei e em seguida abri este que você conhece.

Quais as maiores dificuldades que sentiu ao começar a blogar? Postar fotos, imagens e vídeos.

Fale de seu blog. A proposta é tratar assuntos como Teologia, Família, Igreja e Sociedade, mas percebi que eu gosto mesmo é de defender as Escrituras, as Doutrinas e a Moral nas igrejas. Assim, deixei extravasar minha veia apologética com cautela para não me achar o dono da verdade. Creio que é uma mistura de informações com estudo bíblico, poesia, visão de igreja, entre outros. Por esses dias mesmo perdi um seguidor (e amigo) pelo motivo de eu haver contestado seu ponto de vista. Fazer o quê?

Como e quando se tornou blogueiro? Foi há dois anos quando minha filha nasceu. Queria fazer uma homenagem a ela na primeira postagem (lá no Terra) e aí dei continuidade.

Qual foi o seu post mais polêmico ou de maior repercussão? Tem sido uma postagem acerca da possibilidade de haver mensagem subliminar na música do Zaqueu e por último um post sobre o Falso Aposto Miguel Ângelo, daí do Rio de janeiro, uma postagem que nem era minha tirei do blog do Renato Vargens (que não sigo). Também uma que tratava o Mike Murdock e o Morris Cerullo como farinha do mesmo saco.

Em sua opinião, qual a importância dos Blogs? Os blogs dão voz a quem não tem. Muitos blogueiros descobriram que podem influenciar pessoas e serem ouvidos, lidos, e serem formadores de opinião. Comparo os blogs (pequenos como o meu) como João Batista pregando no deserto, mas sua voz sendo ouvida no palácio e mexendo nas estruturas do reino e no coração do rei. É bem verdade que ele perdeu a cabeça, mas gosto muito de João 10.41, que mostra o que o povo pensava dele.

Quais os blogs que o irmão acessa com mais freqüência? Ultimamente, o da Ro, o do Alberto, o do Cláudio, o do Natanael, o do Geremias, o do Pr. Carlos Roberto, Pr. Alex, o do Hermes.

Que dicas daria para quem está iniciando como blogueiro? Que seja simples e humilde, que aprimore as técnicas visuais e redacionais, e que seja fiel ao princípio de sua proposta, não fazendo como alguns que usam seus espaços para promoção pessoal.

Os artigos que publica em seu blog impactam vidas. Na Blogosfera, qual o artigo em outros blogs que você se sentiu impactado?

Como vê a Blogosfera cristã hoje? Ela está a contento ou acha que deve mudar o rumo? Se sim, em quais características ela poderia melhorar em 2011? Entendo que a blogosfera, cada um em seu segmento, deveria ser mais solidária, mais humanitária, mais prestadora de serviços. Por exemplo, poderíamos postar fotos de crianças desaparecidas, denunciar pedófilos reconhecidos pela polícia, avisar sobre os perigos da dengue, aids, etc. e na igreja, denunciar abusos, heresias e os hereges.

Dê seu parecer sobre os sites de relacionamentos e a influência deles nos blogs. O que acha do Orkut, Tweeter e Facebook? É usuário deles? São boas ferramentas para divulgar blogs? São boas ferramentas, mas eu não os uso com muita frequência. Prefiro o blog.

Deixe seu recado para a Blogosfera Evangélica e faça suas considerações finais.
aos outros” (Jo 13.35) Que nesse ano que está se findando todos possam refletir sobre o impacto causado por suas postagens e o alcance que elas tiveram em suas vidas e nos outros. Que sejamos mais unidos em 2011, mais abençoados e abençoadores. Ro, agradeço a oportunidade de ser entrevistado por você. Sou fã do seu trabalho. Que deus abençoe a todos os seguidores de seu blog e sua casa!

Obrigado pela atenção dispensada. Felicidades a você e todos da sua família. Deus os abençoe mais e mais !

Próximo entrevistado será o Irmão René. Dia 23/12

83 comentários:

Regina Farias disse...

Pastor Guedes,

Que prazer, não sabia que éramos quase vizinhos rss pena que se mudou :) Mas o bom é que temos a net para nos paroximar.

Gostei muito de saber um pouco mais a seu respeito.

Acho bacana essa amizade que vai se formando a partir das ideias que vão sendo colocadas.

Sou péssima em perguntas, portanto vou ficar só com as já respondidas; apenas quero comentar o que vc falou sobre o choque de ideias. Pois não é porque eu não concordo com alguma preferência de alguém que essa pessoa tenha que se distanciar. Aí, inevitavelmente, eu imagino que era só pretexto para se distanciar, que eu não era assim tão importante, entende? Então eu deixo à vontade, entende? Fazer o quê, como diz você. Falo isso porque aconteceu comigo recentemente também.

Parabéns pela entrevista.

Meu carinho,

Rê.

Adriano Lima disse...

Prezada Jô,

Parabéns pela entrevista...

Pastor Guedes, foi ótimo conhecer um pouco mais da sua pessoa.

Fiquei feliz em saber que de todas as redes de comunicação, você prefere o blog, por que eu também. Acho que é um ótimo lugar para compartilhar conhecimentos e está aprendendo cada vez mais.

Apesar de ser novo na blogsfera(tenho apenas uma semana), acredito que é uma excelente ferramenta para difundir o conhecimento de Cristo.

Um grande abraço,

Adriano Lima.

Vivendo pela Palavra de Deus!!! disse...

Boa noite Rô!! Muito obrigada pelo convite. Fiquei feliz em saber que o Pr. Guedes apesar de não conhecer é um cearense que bom, pois sou uma Cearenses também. Dizem que em toda parte do mundo tem um Cearense,srsrssr.Pr. Guedes vou deixar para o sr meditar 2 ts 3:16

Pra.Thaís Itaborahy disse...

Passei por aqui amiga. Foi um prazer saber mais do Pr. Guedes. Deus te abençoe.
Fique na paz. Pra. Thaís
www.palavradevidaaocoracao.blogspot.com

Pastor Guedes disse...

Prezada Regina,

A Paz!

Você é uma das novas amizades que fiz na blogosfera através das entrevistas da Rô. Agradeço por suas palavras e também quero deixar registrado que foi muito bom conhecer um pouco mais da irmã.

Quanto ao fato de deixar de ser seguido, concordo com você e fiz o mesmo: deixei de seguir o amigo (amigo?).

Deus lhe abençoe.

Abraço.
No Amor de Cristo!

CANTOR MOISÉS VIEIRA disse...

Ola Ro, gostei da idéia da entrevista! excelente. Abraços!

Pastor Guedes disse...

Prezado Adriano,

Achei legal o que você fez com o nome da Rô. Não sei se foi consciente, mas ficou muito bom esse trocadilho simpático com o programa de entrevistas do Jô. Agora a Rô é a nossa Jô kkk

Deus abençoe sua casa Adriano.

Fica na Paz!

Cida Kuntze disse...

Olá Rô, Olá Pr. Guedes!

Muito prazer em conhecê-lo pastor, e por consequência conhecer um pouco da sua história e da sua posição no Senhor.

Perguntas, perguntas eu não tenho, pois o irmão já respondeu tantas, mas gostaria de perguntar e comentar sobre a sua preocupação, quanto ao esfriamento do amor, da apostasia, nesses últimos tempos. Eu tenho uma filha que vai fazer 6 anos ainda, mas procuro desde que ela nasceu, ensinar-lhe nos caminhos do Senhor e a amar a Deus sobre todas as coisas. Pastor, confesso que a salvação dela é algo que tenho orado e muito, pois sabemos o quanto as coisas tendem a piorar e essa nova geração deve passar por muitas coisas.bordado esse assunto com o seu filho mais velho?

Esepero sua resposta.
Abraços!

Eduardo Medeiros disse...

rô, bela entrevista. eu penso diferente do prezado pastor em vários temas mas prefiro não citá-los. vou citar uma frase do qual concordei com ele e quero destacar:

"Hoje faço uma reciclagem na Metodista, procurando dialogar com outros pensamentos teológicos."

para mim só há futuro na teologia se for no diálogo com o diferente, inclusive com as diversas fés além do cristianismo que existem no mundo e que também têm história e fazem parte daa sociedadea e da cultura de vários povos.

abraços

Regina Farias disse...

Afff, eu toda orgulhosa por ser a primeira, aí fico nervosa e já começo errando rss

Mas é bom repetir: que bom que temos a net para nos APROXIMAR :)

Aproveito e deixo um beijo para a entrevistadora.

disse...

rss Virei o Jô agora?
vocês são benção pura, Re bjs pra ti também. Paz.

Pastor Guedes disse...

Prezada Irismar (VIVENDO A PALAVRA),

Nós, os cearenses somos sim os judeus brasileiros. Conheço a história de um pastor presidente aqui do Brasil que chegou no Cairo (Egito) e quando desceu no aeroporto disse baixinho:"Meu Deus, onde encontrarei alguém que fale a minha língua aqui?!" Ao lado dele um padre brasileiro disse: "Achou um aqui!" Ambos eram cearenses. Um era o pastor José Wellington, mas o nome do padre não sei.

Deus lhe abençoe e à nossa "terrinha" também!

Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Rô,

Não sabia que era tão dinâmico kkkk, preciso dar uma parada para ir ao culto.

Já volto.

Paz!

Cláudio Nunes Horácio disse...

Caro Pr. Guedes, a paz amado. É um prazer conhecer mais do irmão. Minha pergunta é: Você disse que assistiu ao parto de seus filhos, queria saber o que sentiu, pois eu JAMAIS, nunquinha faria isso, pois o médico teria um paciente a mais para se preocupar kkkk. Na graça e na paz que nos faz família de Deus.

Pr. Flavio Constantino disse...

Querida irmã Rô,

A Paz do Senhor,

Muito boa essa sua entrevista com o nobre Pastor Guedes. Confesso que não o conheço pessoalmente, apenas pelo blog, mas pelos seus escritos é uma pessoa extraordinária. Tenho vontade de trazê-lo aqui na igreja onde pela mercê de Deus pastoreio.

Um grande abraço,

No Amor de Cristo,

Pastor Flavio Constantino.

ROBSON SILVA disse...

Rô, minha querida, a Paz do Senhor!

Quero agradecer a grata lembrança do Prossigo para o Alvo, para participar da entrevista com o amigão Pr. Guedes. Infelizmente estava trabalhando naquele período. Deixo, entretanto, meus sinceros agradecimentos e meus parabéns pela grandiosa escolha...

Que o ETERNO prossiga abençoando a ambos...

Abraços,

Robson Silva

Rita disse...

Olá,Rô
Paz a todos!
Não o conhecia Pastor Guedes,mas é um prazer,vou visitar seu blog também.
Gostei da entrevista,da pra ver que é um homem sério a serviço do Evangelho,que o Senhor continue abençoando sua vida e ministério.
Minha pergunta é ;
Qual seu entendimento,opinião ou certeza (rsrssrs)como queira,sobre o arrebatamento,e o reinado milenial?
Um abraço,e Paz!

disse...

Gostei da pergunta Rita, o povo parece com medo de perguntar. Paz!

Pastor Guedes disse...

Prezada Irmã Cida,

O prazer é meu em conhecê-la, ainda que virtualmente.

Há tempos que pensava em apostasia como sendo o registro histórico da Igreja da Idade Média, mas com os últimos acontecimentos, ficou muito claro que a apostasia está mais presente em nossos dias e o pior: em nossas igrejas! Nunca imaginei que veria os absurdos que vejo em nossos dias! Achava que essas coisas poderiam acontecer talvez na geração dos meus filhos!

Se entendi sua pergunta, a irmã quer saber se eu abordo esses assuntos como meu filho mais velho. A resposta é sim. Procuro falar de modo a não despertar nele interesses ainda não-despertados em seu jovem coração, mas falo de modo aberto (com critérios) acerca de sexualidade, homossexualidade, drogas e pseudo-espiritualidade. Ensino nas igrejas que os pais devem conversar com os filhos a respeito desses temas antes que eles aprendam com a prostituta, com a pornografia contida na internet e na mídia de um modo geral, antes que aprendam com o traficante na porta da escolas e antes que aprenda com o homossexual ou com a amiga da irmã mais velha. Volta e meia ele me pergunta alguma coisa desse tipo e eu não escondo nada e previno-o, mas sempre pedindo a Deus sabedoria para falar.

Deus abençoe você sua casa.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Prezado Eduardo Medeiros,

A Paz!

Embora suas palavras tenham sido dirigidas à amiga Rô, peço permissão para comentar suas palavras e dizer que você pode ficar a vontade para expor as diferenças entre nossos pensamentos. Isso não me causaria nenhum desconforto, pois entendo que esse seria um caminho possível para nos tornar amigos.

Caso queira, estarei à disposição no email pastorguedes@gmail.com

Abraço.

Hubner Braz disse...

Amigo Guedes,
´
Foi ótimo conhecer um poucochinho do seu particular... É bom saber que você mora pertinho de mim.

Bem, agora vamos para as perguntas.
No que se refere a “Céu”, “Terra”, “alma” e “ressurreição” (e muito mais), e obvio afirmar que a Igreja ao longo dos séculos, literalmente, entendia tudo errado??? Ou seja, os pontos de partida que guiaram a teologia da igreja cristã não eram os mesmos pontos de partida que os apóstolos tinham em mente e, portanto, toda teologia atual precisaria ser revista de acordo com os pontos de partida corretos?

Outra pergunta mais simples que cada um tem uma explicação diferenciada inclussive o Fiodor Dostoievski, C. S. Lewis, N.T. Wright e Epiculo de Samos: Se Deus existe, é todo poderoso e quer nosso bem, por que existe tanto mal no mundo?

Só estas duas perguntas... Uma sobre a necessidade da reforma e outra sobre os primordios da existencia do mal.

Paz de Cristo

Pastor Guedes disse...

Caro Cláudio, meu Amigo,

Que bom te "ver" aqui!

A princípio senti um aperto por ver minha esposa naquele estado, mas com a chegada do Daniel, tudo mudou e uma alegria enorme envolveu-me por vê-lo nascendo. Com a Sara foi diferente: eu já estava mais preparado, sofri menos e a expectativa que era ainda maior (quase dez anos depois) deixou-me ainda mais feliz.

Agora, cá pra nós, esse negócio ficou para as mulheres. Acho que não aguentaria os enjôos, as ânsias, os nove meses, as contrações e as dores do parto (no pós-cirúrgico). Você aguentaria Claúdio? kkkk

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

disse...

Obrigada Hubner!

Pastor Guedes disse...

Caro Pr. Flávio Constantino,

Agradeço por suas palavras generosas.

Sou admirador de seus escritos (embora nem sempre deixe comentários)e vejo que escreve com muita propriedade e originalidade. Suas letras têm autoridade de quem sabe o que escreve ou defende.

Quanto ao convite de visitar sua igreja para adorar a Deus, está aceito! Vamos conversar!

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!
Tenho vontade de trazê-lo aqui na igreja onde pela mercê de Deus pastoreio.

Um grande abraço,

No Amor de Cristo,

Pastor Flavio Constantino.

Pastor Guedes disse...

Rô,

Quero consertar uma coisa e pedir perdão ao meu Amigão ROBSON SILVA, pois entre os blogs que recomendo e mais visito está o PROSSIGO PARA O ALVO! Que lapso...

Roberto, desculpe e obrigado por sua amizade!

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Prezada Rita,

Obrigado, o prazer é meu em conhecê-la!

Agradeço também pela promessa de visitar meu blog e por suas palavras elogiosas à minha pessoa e à entrevista.

Minha visão é pré-tribulacionista e pré-milenista, ou seja, creio que o próximo passo a se cumprir na escala escatológica é a Vinda de Cristo para o rapto da igreja ( o Arrebatamento). Defendo os 7 anos de tribulação com um afunilamento nos últimos 3 anos e meio, por conta da perseguição do anticristo ao povo judeu. Com a Vinda do Senhor Jesus, Israel será salvo (o remanescente) e o anticristo e seus exércitos derrotados. Logo após à derrota do anticristo, dar-se-á o Julgamento das Nações e em seguida a implantação do reino milenial.

Deus abençoe sua vida e sua casa.
No Amor de Cristo!

Alberto Couto Filho disse...

Oi, amigão
Estou de olho em vocês, depois da trama orquestrada para eu "encarar" o Samuel. Por isso, amo vocês, cada vez mais.
Diga-me lá, ó pescador:
O Dr Armando Colognese Junior, psicanalista proeminente, vê a arrogância como um estado mental que leva as pessoas a atitudes onipotentes, por se acharem/imaginarem superiores.
A Bíblia é implacável sobre esses tais (Hc 2:5), (Is2:11), (Pv 8:13), (Sl 5:5)
Como age o pastor Guedes, quando questionado sobre doutrinas ou posicionamentos, por uma ovelha, aparentemente arrogante, predisposta a discutir por discutir, apenas, pra ganhar a discussão?
O Alex está pra confirmar sua vinda ao Rio.
A paz

Pr. Carlos Roberto disse...

Olá Rô,

Graça e Paz!

Parabéns pela excelente entrevista. Vc. já perguntou absolutamente tudo.

Recebi a notícia da entrevista on line pelo meu Blackberry, mas devido a muitas atividades no dia de ontem, somente agora que já é o amanhã(rsrs), pude ligar o computador.

Agradeço ao pastor Guedes pela citação do meu singelo blog entre os aqueles que freqüentemente visita, isso para mim é uma grande honra.

Quanto a entrevista, nos enriqueceu, trazendo maior conhecimento a respeito da vida e ministério desse homem de Deus.

Rô, agora, quem não consegue assistir ao programa do Jô, acessa o blog da Rô! rsrs até que rimou!rsrs

Parabéns!

Um grande abraço!

Seu conservo,
Pr. Carlos Roberto

Rita disse...

Pastor Guedes
Obrigado pela resposta objetiva,esse assunto é tão pouco discutido nas igrejas,é bom buscar mais opiniões,e aprender também,digo isso porque a Escritura é um assunto muito sério, e temos que ter zelo para não errar,como se fosse possível a nós não errar(rsrssr) enfim,só mais uma pergunta ainda no assunto

Pela sua resposta a pré tribulação nos isenta de Ap.7:9,13,14

E também em Ap.20 o reinado milenial aparece antes do grande trono branco,e o senhor fala dele só após o julgamento das nações.
Desculpe era só uma e fiz duas perguntas,mas é curiosidade aguçada.
Abraço e fica na paz do Amado Senhor!!

disse...

Pois é Pr. Carlos Pode?? rss
Muito legal,este nosso povo de Deus é só benção!

Pastor Guedes disse...

Amigo Hubner Bras,

Bom conhecer o irmão também.

Não sei se entendi bem sua primeira pergunta, mas não acredito que a teologia atual esteja totalmente errada e precise de uma reforma geral. A Igreja ao longo dos séculos errou e feio, mas muita coisa já foi corrigida, principalmente com o advento da Reforma.

No que diz respeito a Ceu, Terra, Alma e Ressurreição não digo que a igreja entendeu tudo errado. Houveram erros crassos principalmente na teologia dos pais apostólicos e na época da igreja da Idade Média, mas hoje não vejo a teologia tão distorcida assim. Se é que entendi a sua pergunta. Todavia, quanto mais aproximada do pensamento dos apóstolos mais acertada será.

Quanto à segunda pergunta, que não tem nada de simples, posto que essa discussão atravessa os anais da história da teologia (e da filosofia) sem uma resposta convincente ou satisfatória, entendo, pelas Escrituras, ser Deus um Espírito Pessoal, enquanto Pessoa, sua essência é Amor e Bondade, logo seria impossível o mal ter origem nEle. Creio na originação do mal por parte de suas criaturas e a introdução do mal no mundo sendo de responsabilidade do mal uso das escolhas de suas criaturas e nada mais.

Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Caro Alberto,

Você é genial!

Para bom entendedor meias palavras bastam.

De "pescador" para pescador: O Dr Armando Colognese Junior, psicanalista proeminente, está correto em sua análise - os que se acham superiores têm mesmo atitudes eu diria pseudo-onipotentes. Li todos as passagens que você indicou e acho que sua espada está mesmo muito afiada. Mas, respondendo a sua pergunta: procuro manter a humildade e responder apenas o que sei, o que está ao meu alcance, e as vezes deixo-a ganhar a discussão, lembrando-me de que quando Pilatos perguntou "O que é a Verdade?" Jesus preferiu o silêncio. E o que dizer de Paulo em I Coríntios 2.2?

Abraço meu Amigo. Sei que está de férias, mas tirou um tempinho aqui para valorizar o blog da Rô e a entrevista do amigo.

Dia 02 de janeiro, se Deus quiser, estarei no Rio. Avisa o Alex. Os peixes que se cuidem!!!

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Prezado Pr. Carlos Roberto,

Sou admirador de carteirinha do Point Rema, que aliás é um dos blogs que me dá mais visitas, sabia? Não sabia?!

Seu blog é uma bênção não somente para mim, mas para todos os seus seguidores.

Deus abençoe sua casa e não esqueça ainda hoje: "Programa do Jô" ou melhor "Programa da Rô" kkkk

Forte Abraço.

Deus abençoe sua casa!

disse...

Gente boa de Deus, agora estou no twitter quem quiser me seguir,
@mulheressabias. Paz!

Pastor Guedes disse...

Prezada Rita,

Sim, pois a Bíblia diz que Deus não nos chamou para ira (Rm. 1.18; 5.9; ITss. 1.10; 5.9) senão para a salvação.

Quanto à segunda parte da pergunta, quando disse julgamento das nações, referia-me à reunião dos exércitos do anticristo no cerco a Jerusalém terrena: ali haverá um julgamento das nações que se juntaram para lutar contra Israel. Após o Milênio, quando satanás será solto, depois de mil anos, ele arregimentará as nações outra vez para lutar contra a outra Jerusalém, a celestial, e aí será derrotado para sempre. Mas, entendo que o julgamento das nações de Mateus 25.31ss se dará após a grande tribulação e antes do Milênio.

Sei que há controvérsias nas muitas interpretações das questões teológicas, mas para mim essas questões estão bem definidas.

Agradeço por suas palavras. Você é muito simpática e me parece muito honesta em tudo que faz e diz.

Deus abençoe sua vida.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

RÔ,

QUERO ME REDIMIR DE UMA FALHA ENORME: ESQUECI DE CITAR O BLOG DO MEU AMIGO PR.MARCELLO OLIVEIRA - DAVAR ELOHIM, A SUPREMACIA DAS ESCRITURAS. É PARA MIM UM DOS MELHORES BLOGS E QUANTO A UMA PERGUNTA QUE VOCÊ ME FEZ (NÃO SEI SE RESPONDI) QUAL A POSTAGEM QUE MAIS ME IMPACTOU? VEM DO BLOG DO NOSSO QUERIDO IRMÃO MARCELO, FALANDO SOBRE AIONIOS, KRONOS E KAIRÓS.

MARCELO, EU SEI QUE VOCÊ ESTÁ VENDO A ENTREVISTA. A PAZ!

OBRIGADO RÔ!

ROBSON SILVA disse...

Meu querido Guedes,

Não há de que se desculpar, pelo menos não pelo tal "esquecimento" do blog, já que me considero contado "entre os tantos" ao final...

Mas daí a você concluir me chamando de ROBERTO... Ah, isso é imperdoável! Rssss!

Mas vou fazer uma forcinha para deixar passar...

Abraço,

ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON SILVA ROBSON

Natanael Lima disse...

Paz a todos!

Fiquei feliz pela entrevista do meu pastor, amigo, confidente e um grande pregador...tive o prazer de aprender muito com esse homem de Deus, pois fui membro da primeira igreja que ele pastoreou em SP.
Com ele aprendi que dá para ser intelectual e culto, mas também cheio do Espírito Santo.
Não levem a sério a citação de meu blog entre outros tão mais importantes e mais interessantes...ainda sou "uma criança e estou iniciando" rsrs!

Deus abençoe a vc Ro pela iniciativa e ao grande amigo Guedes!

Abs em Cristo,
Natanael
natanaellima.blogspot.com

Cláudio Nunes Horácio disse...

Pr. Guedes, não aguento nem imaginar kkkk. Deus tem sua sabedoria singular e eu só fico por aqui embasbacado em contemplar pequenas faíscas deste saber incomparável. Mas que bom que você consegue assistir, acho que deva ser muito importante para a esposa, pois é um momento importantíssimo. Obrigado meu irmão, fica na paz de Jesus, foi um prazer ler e participar de sua entrevista. Paz e bem.

disse...

Pr. Guedes não se preocupe o Marcelo entende, ele é gente boa demais. Agora não chame o Robson de Roberto rsss
Robson perdoa ele vai! rsss
E obrigada Natanael. Deus os abençoe em cristo.

CARLOS HERRERA disse...

Olá Rô...
òtima entrevista...
toda minha família materna pertencem a A.D, não sou saudosista, mas pertenci a A.D romântica e apaixonada pela bíblia...Minha pergunta é:
Qual sua opinião sobre a pluralidade de pensamentos teológicos antagônicos a palavra de Deus, que tem permeado algumas A.D (como algumas outras denominações) ? E, como voltar ao evangelismo romântico?
abraços

Rita disse...

Pastor Guedes,Paz
Obrigado por sua atenção,e respostas.
É sempre bom esclarecer as nossas dúvidas e até falta de conhecimento,falo por mim que tenho pouco entendimento nesse tema,então sou curiosa mesmo,faz bem aprender sempre mais não é?
Agora com a segunda resposta compreendi a que julgamento se referia,obrigado.
Paz e graça sempre,que o Eterno continue a lhe abençoar!!

Pastor Guedes disse...

Rô,

Esse povo não sabe o que isso aqui rsrsrs. Um dia chegará a vez deles. Li na entrevista que escrevi Deus com "d", chamei o Robson de Roberto, etc, mas é na ânsia de responder logo. estou lembrando da Regina que disse que querendo ser a primeira a fazer as perguntas cometeu alguns erros, pois é...Não é fácil participar dessa maratona de perguntas kkk

Já pedi perdão ao Robson e ao Marcello também!

Paz!

Pastor Guedes disse...

Caro Natanael (Nata para os íntimos), meu Amigo!

Cuidado com esse título de "grande pregador" senão vão aparecer convites de todas as partes para eu pregar pelo Brasil e exterior rsrsrsr

Verdade Nata, mas hoje eu que aprendo com você! Intelectual eu? Culto? Cheio do Espírito Santo? Bondade do seu coração, continuo sendo o seu Amigo, nada mais.

Atenção todos o Nata é um jovem obreiro, muito bem casado com a jovem Dani, e muito bom pregador e cantor. Seu blog é uma bênção e digno de destaque. O Nata é um talento extraordinário de Deus nessa nova geração.

Abraço, meu Amigo.
Deus lhe abençoe.

disse...

Mas não estou achando onde o senhor escreveu Deus com d, onde esta pode me ajudar?

Pastor Guedes disse...

Prezado Carlos Herrera,

Bom saber de suas origens assembleianas.

A "pluralidade de pensamentos teológicos antagônicos" na AD, a meu ver é fruto de interesses pessoais egoísticos. Penso que todos quantos querem abrir "seus ministérios" ou chamar a atenção de um determinado grupo ou segmento, distorcem a Bíblia para justificar uma nova descoberta "doutrinária" e assim levar discípulos após si. Também vejo que os partidarismos, que têm origem na palavra heresia (hairesis no grego), é fruto de estudos da mesma Bíblia sem oração e sem observar as regras da verdadeira hermenêutica. Já que você falou em romantismo, ainda creio na revelação do Espírito para conhecimento e aprofundamento de uma doutrina segundo as próprias Escrituras e por vezes a fio já entendi muitas questões da doutrina cristã, sem ter que consultar enciclopédias e dicionários bíblicos ou "grandes obras". Também já vi muita gente que abandonou a fé por estudar exaustivamente, enveredando por caminhos filosóficos e abandonando o estudo escriturístico. Veja, não sou contra os estudos, senão nem professor seria, mas ainda creio na visitação do Espírito na condução de um bom estudo bíblico.

Como voltar ao evangelismo romântico? Primeiro voltarmos à oração e prepararmos pregadores que preguem mensagens bíblicas. Segundo, ensinarmos aos novos convertidos, novos obreiros e a todo povo, os fundamentos da doutrina cristã (aqui a importância da EBD), os princípios da Ética Cristã, a responsabilidade da Igreja e o amor pelas almas. Ainda dá tempo! Gosto de pregadores que citam a Bíblia e ressaltam Cristo e a Cruz, prefiro ainda aqueles que dizem onde está escrito, como o meu pastor José Prado Veiga e o saudoso Valdir Nunes Bícego.

Abraço.
Foi um grande prazer falar com você aqui.

A Paz do Senhor!

Adriano Lima disse...

Olá Rô!

Não foi conciente, mas até que o Pastor Guedes deixou o assunto engraçado. kkk.

Que Deus lhe abençoe continuamente.

Adriano Lima

João Dórea disse...

A paz Rô,

Bela entrevista foi de muita valia para o meu eleuma espeiritual, gosto quando enova, o que não consigo fazer no meu. ah! em falar nisso, você está me devendo ensinamento de como se faz uma entrevista no blog!!!

estou em oração por isso não estou blogando, abri aqui um excessão a você, voltarei em janeiro. que Deus continue te abençoando.

disse...

Adriano não esquenta, a frase ja pegou agora na blogosfera, o Pr. Carlos fez até um post com a frase olhe lá:
http://pointrhema.blogspot.com/.

Eu os amo demais!

Pastor Guedes disse...

Rita,

Eu que agradeço.

Paz!

El Gaucho Santillán disse...

Pastor Guedes, foi ótimo conhecer uma pessoa como vocè.

Acho que è um gran homen de Deus.

Un abraço.

disse...

Ok João, obrigada por abrir excessão para mim!

Pastor Guedes disse...

Adriano,

Inconscientemente você descobriu uma estrela, pois a Jô, ôps, a Rô, já está em todos os blogs de renome kkkk

Eu não tenho nada com isso, apenas lancei o talento já existente rsrsrs


Paz!

Pastor Guedes disse...

Prezado El Gaucho,

Eu que agradeço por conhecer você e permitir-me fazer parte do rol de seus amigos.

Agradeço pelas palavras.

Deus lhe abençoe.

disse...

Pr. Guedes eu estou aqui morrendo de ri com o Pr. Carlos, daqui a pouco isso vai parar no twitter, eu estou me acabando de tanto ri com o post dele. Ele é uma benção!

René disse...

Pastor Guedes,

Bela entrevista, com a qual passamos a conhecer um pouco mais do senhor, além do que é expressado em comentários nos blogs.

Pastor, em sua resposta à Rita, o senhor cita o versículo que diz que não somos destinados à ira, indicando que o período tribulacional de sete anos seria a manifestação da ira de Deus. Como poderíamos explicar, para pessoas que não têm muito conhecimento da Palavra, o derramamento de ira por um período desses, por parte de um Ser, nosso Deus, que nos é apresentado como amor (1Jo 4, por exemplo)?

Grande abraço e Paz!

ROBSON SILVA disse...

Paz Rô,

Fiquei curioso por saber a razão de tanto riso e fui ao Point Rhema... Meu pastor é show de bola... A comicidade em pessoa... Rsss! Então postei lá o seguinte comentário:

"Paz meu pastor,

Pensar que eu perdia meu tempo assistindo aquelas entrevistas "homopromotivas" (eu inventei essa palavra agora), nas quais se ensina até a colocar preservativo (de sabor) no parceiro; como se usar um vibrador; a importância de se sair do armário (pensar que quando criança a gente só saia do armário depois de descoberto no pique esconde); e outras porcariadas mais...

É bem verdade que dia desses numa entrevista com o Arqueólogo brasileiro Rodrigo Silva (nosso parente) o JÕ quase não abriu a boca... Foi tremenda a atuação do RODRIGÃO... De deixar o "Crivella no chinelo" (aquele que sequer teve coragem de dizer que homosexualismo é pecado e PONTO!)...

Mas agora? Vou aproveitar melhor as minhas noites de insônia ligadão no Blog da colega... Isso sim é algo que vale a pena.

Um abração!

E nossos parabéns a irmã Rô.

Robson Silva
Prossigo.net ligadão no BLOG DA RÔ"

Rô, que DEUS te enriqueza mais e mais em singeleza, simplicidade, humildade, criatividade, determinação, bom humor etc. etc. etc. etc.

Rob(ert)son
Prossigo.net

Anselmo Melo disse...

Boa tarde Pr Guedes. é um prazer estar aqui e conhecer um pouco mais sobre sua vida e experiências. Tenho algumas perguntas para o irmão.
Quando perguntado sobre o "meio Evangélico no momento" o irmão fala do surgimento de muitas Igrejas, sem respaldo de ministérios e convenções, fala também da falta de ortodoxia nas mesmas. Sou carioca,mas atualmente residido em Limeira,vizinha de Americana.Aqui temos representado os ministérios de Belém e Madureira; em sete anos surgiu o ministério da AD de Limeira, fruto de uma divisão no Min. Belém,e por ultimo temos também uma Assembléia de Deus ligada ao Bom Retiro. Agora tem o Silas também. A Quais fatores o irmão atribui tantas divisões dentro da AD? Quais as conseqüências ruins de tantos rachas em uma denominação histórica? O que a liderança das AD efetivamente tem feito para evitar essas rupturas?
Grato.

disse...

Obrigada Robson, eu amo meus irmãos, e você esta incluído, eu tenho tentado conciliar o povo cristão aqui no meu Blog, independente de onde congregas, mas entendendo que somos todos irmãos,sem colocar cercas, isso tudo porque amo a todos, muitas vezes não somos bem compreendidos, mas como diz o maninho Cláudio: Rô no seu blog tem espaço pra todos. E eu espero continuar assim. O blog é nosso. Paz!

Pastor Guedes disse...

Prezado Rene,

Eu é que fico feliz em conhecer você, meu querido irmão, e embora não sejamos muito conhecidos um do outro, sei de sua fama por aqui e na blogosfera. Boa fama, diga-se de passagem!

Deus é Santo, Justo e Bom. Sendo Justo, tem sua justiça baseada em seu amor, ou seja, não tem como Deus amar e não fazer justiça. A ira de Deus se manifesta sobre aqueles que permanecem agindo impiamente e não fazem caso de seu conhecimento, como em Romanos 1.

Quando o Senhor revelou a Abraão que sua descendência seria escrava, mostrou também que a medida dos amorreus ainda não estava completa. Mais tarde, quando Israel conquistou a terra de Canaã, entendemos que a medida estava cheia. Assim, também nos últimos dias: O Amor de I João 4 se revela hoje na longanimidade de um Deus que ama e deseja que "todos cheguem ao pleno conhecimento da verdade", "mas os homens ímpio", diz a Bíblia, "irão de mal a pior". Concluo, dizendo que Deus sendo Amor, não é moralmente frouxo e trará justiça e juízo sobre os impenitentes. A ira é a manifestação de seu juízo e não poderia ser diferente, pois fará justiça de igual modo aos que foram justificados pela fé, levando-os para sua glória!


Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Caro Pr. Anselmo Melo,

A Paz e obrigado pela pergunta porque esse tema também me preocupa muito.

São muitos os fatores. Vou tentar elencar alguns:

Primeiro, credito ao fato da denominação crescer em um ritmo muito mais acelerado do que se esperava e a falta de estrutura. Segundo, a liderança não preparou nem a igreja e nem o povo para esse crescimento, pois nem mesmo eles esperavam. Terceiro, a coisa ficou muito centralizada e assim como as empresas familiares, não acompanhou o dinamismo dos tempos modernos e envelheceu em lugar de amadurecer. Quarto, muitos chamados por Deus sentiram-se deixados de lado e, para não verem seus ministérios mirrados, abriram suas próprias igrejas. Quinto e último: muita gente descobriu que igreja dá dinheiro e resolveu abrir seu próprio negócio.

Quanto à ortodoxia, não posso generalizar, posto que nem todas carecem de boa doutrina, pois apenas copiaram o modelo já existente.

As consequências ruins se manifestam em um sincretismo religioso de tudo o que se ouve nos rádios e se vê nas tvs, muito provavelmente por não terem uma convenção por trás, aderem a toda sorte de novidades doutrinárias. E na denominação histórica como a nossa, reflete na perda de membros para essas novas igrejas, que eu gostaria de frisar: tem muita igreja boa e tem igreja que nem merece o título de cristã.

Quanto ao que a liderança das ADS está fazendo para evitar essas rupturas, sei pouco. Apenas sei que preocupa-nos e muito.

Deus abençoe sua vida e parabéns pelo seu blog e posts. Tenho acompanhado.

Forte Abraço.
No Amor de Cristo.

René disse...

Amado Pastor Guedes,

Agradeço muito sua atenção em responder. E devo dizer que sua resposta foi bastante coerente com suas convicções referentes à escatologia. Aliás, o senhor sempre demonstrou coerência em seus comentários.

Devo esclarecer que penso um pouco diferente, por crer no pós-tribulacionismo (tive que usar um rótulo, para encurtar o comentário). Creio em tudo que o senhor citou em sua resposta, discordando, apenas, do momento da aplicação de Sua ira. E também creio que isto não é motivo para que não andemos juntos pelo mesmo Caminho, já que creio na diversidade dos membros do Corpo de Cristo e de suas funções. Mesmo com diferenças, estamos unidos em Seu amor.

Que a Paz do Senhor seja constante em sua vida e na vida de sua família! Grande abraço!

Pastor Guedes disse...

Prezado Rene,

Legal sua postura. Também penso que há muito mais coisas que nos une, mais que as poucas que nos separam (separam?).

Sigamos unidos pré ou pós-tribulacionistas, ok?

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Anselmo Melo disse...

Pr Guedes.
Obrigado pelas respostas e
mesmo de fora concordo com o irmão em relação as possíveis ( e muito prováveis) causas para essas rupturas dentro da AD. Não sei se ao enumera-las o irmão o fez em ordem de grandeza segundo a sua avaliação.Se o fez, e segundo o que tenho observado,passaria a quinta e última para o topo da lista.Infelizmente a proliferação de "Igrejas empresa" tem crescido de maneira assustadora.
Agora tive uma curiosidade e se for algo de cunho pessoal eu entenderei caso o irmão não queira responder.
Sou apenas um ano mais velho, estou com 47 e já tenho um filho concluindo uma faculdade de direito, eu é quem comecei cedo ou o irmão que começou tarde demais?rs

disse...

kkkkk
Acho que Pr. Guedes começou tarde demais Anselmo!

Pastor Guedes disse...

Caro Pr. Anselmo e Rô,

kkkkk

O senhor é observador, heim?! Comecei tarde mesmo. Casei com 33 anos e minha esposa é mais nova que eu 15 anos, portanto casou com 18, mas, apesar da diferença de idade nos damos muito vem e nos amamos muito! Hoje, tenho 46 e ela 31.

Não há problema nenhum em responder isso. Uma vez, logo após o casamento tivemos uma Convenção Geral no Anhembi e minha esposa passou por lá para almoçar comigo. Um irmão que não a conhecia disse: "Ô Pastor Guedes, trouxe a filha para almoçar?" E eu lhe respondi: "Que filha, rapaz! É minha esposa". Ele ficou todo desconcertado. kkkk

Deus abençoe!

Pastor Guedes disse...

Rô,

Acho que acabou, não é?

Quero lhe agradecer pela oportunidade e pela experiência ímpar. Foi muito legal e ganhei somente hoje 05 seguidores, além de muitos outros amigos.

Valeu.

Deus abençoe sua família.

Paz!

Philadelfia - Evangelismo e Louvor disse...

Uau! Sou admirador do Pr. Guedes. Lamento não ter entrado aqui no dia em que a entrevista foi postada. Esses dias não pude dar atenção ao meu blog e à blogosfera cristã.

Gostei muito da entrevista e fiquei feliz por conhecer um pouco mais desse nobre homem de Deus. Entre outros pontos, achei interessante os seguintes:

* Legal conhecer sua origem, suas raízes.

* Sobre o meio evangélico, o Pr. Guedes falou ,"Talvez o maior problema do movimento evangélico hoje seja a credibilidade". Essa é a mais pura realidade.

* Em "o que você mais admira em alguém?", ele respondeu "caráter e simplicidade". Disse tudo! Realmente tem pessoas que se acham melhores que outras e "desprezam as coisas simples de onde vieram".

* Filmes preferidos: Também gosto de detesto "filmes de arte, que me façam pensar e não suporto os filmes “hollywoodyanos” explodindo dezenas de carros e sangue jorrando com tantos tiros".

Philadelfia - Evangelismo e Louvor disse...

[ CONTINUAÇÃO ]

* Blogs que recomenda: entres os listados está o Blog do Elian – Phildelphia, evangelismo e louvor. Obaaaaaaaa! RSRSRSRSRS

* Sobre a pergunta: "Poderia compartilhar um pouco de sua história, contexto social e área de serviço de maior força no Ministério Cristão?" ele respondeu: "Já pregava nas ruas de Fortaleza e na época das cruzadas em cima de uma carroceria de caminhão e palanques cercados de grandes caixas de som, mas preguei também aqui em São Paulo na Praça da Sé, Pça. da Liberdade, Pça. Ramos de Azevedo, Pça. da República, etc. . Logo, comecei como pregador de praça e de rua. Hoje esse sistema de pregação está um pouco esquecido e comecei a pregar nas igrejas". Por aqui esse sistema ainda é largamente usado. Apesar de muitos afirmarem não ser este sistema eficiente, uma coisa é certa: independente das pessoas se decidirem ou não, elas ouvem a palavra de Deus, que é uma semente - no futuro vai brotar.

* Na pergunta "Existe preconceito dentro dos arraiais evangélicos?", o pastor Guedes confirmou o que vemos em muitas de nossas igrejas. Como ele afirou "Em alguns lugares os pobres são tratados como “os irmãozinhos”. Um dia desses uma garota muito conhecida na cidade por atos imorais aceitou e um irmão murmurou: "a gente vê de tudo nessa igreja! Como pode!?" . Aquele irmão esqueceu que Jesus veio buscar o que se havia perdido.


* Na pergunta "No contexto atual, a Igreja tem cumprido o seu chamado missionário?", percebemos no amado pastor o ardor missionário e a preocupação com a implantação de igreja, tradução e distribuição de Bíblias em países sem representação cristã.

* Na pergunta "O que te deixa assustado?", ele responde "O crescimento da apostasia em nossa geração (como será na geração de nossos filhos?!)". Tenho feito e refeito essas perguntas na EBD: Como será a igreja do amanhã!?


Ops! Estou escrevendo demais. Bom, vou ficar por aqui, embora poderia tecer um comentário para cada resposta dele.

Sendo assim, indico e recomendo seu blog a todos os blogueiros, tendo a certeza que todos que ali chegarem terão sua carinhosa atenção. Ele faz questão de responder a todos os comentários!

Meu desejo é que o Senhor Jesus continue abençoando sua vida, sua família e seu ministério.

Em Cristo,

ELIAN SOARES
PHILADELFIA - Evangelismo e Louvor
www.evangelismoelouvor.com

Pastor Guedes disse...

Querido Elian,

A Paz do Senhor!

Vê-se claramente que você "comeu" a entrevista kkkk

Você é meu amigo e, portanto, suspeito, para falar tão bem assim, porém sei que é sincero sempre em suas palavras, por isso fico até um pouco emocionado com tanta simpatia que nutre por minha pessoa. Saiba que a recíproca é verdadeira e que o meu desejo é que você (e pessoas como você) desponte nas esferas nacional e internacional com seu excelente blog e com o ministério que Deus lhe confiou!

Forte Abraço, meu Amigo!

Que Deus abençoe você e sua casa.

Alan Capriles disse...

Pr. Guedes,

Parabéns pela entrevista! Muito edificante, assim como seu blog, que já estou seguindo.

Pena que cheguei atrasado (estou quase sem tempo para a internet nesse mês de dezembro) e a entrevista já está encerrada.

Mas que Deus continue abençoando cada dia mais sua vida e ministério!

Hubner Braz disse...

Obrigado pastor Guedes pela resposta.

Abraços ee a Paz!

Pastor Guedes disse...

Caro Pr. Alan,

Mesmo atrasado você é muito bem vindo tanto na entrevista como no meu círculo de amigos, que não é grande.

Deus abençoe sua vida.

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Pastor Guedes disse...

Caro Hubner Braz,

Eu que agradeço por comparecer à entrevista e participar dessa experiência gratificante, que tem como alvo principal a koinonia.

Abraço.

No Amor de Cristo!

Juber Donizete Gonçalves disse...

Rô e Pr. Guedes,

Rô - Gostaria de dizer essa iniciativa fazer entrevista, estilo chat foi algo muito bom mesmo. Como diz o Pr. Carlos Roberto, quem perdeu o programa do Jô, acesse o blog da Rô!

Pr. Guedes - Um grande prazer estar lendo sua entrevista e estar conhecendo mais um pouco de ministro assembleiano, pois somos da mesma denominação. Gostaria de parabenizá-lo pela forma que tem respondido as perguntas.

Graça e Paz a todos.

Daladier Lima disse...

Pense! Admirei o cara! Blz! Poderia ser um brother, mas sou eu. Entrevista maneira.

Rô, estou só brincando, mas gostei da entrevista e o pastor Guedes transpareceu leveza. Gosto disso. Deus abençoe vocês!

disse...

Obrigada Daladier. Paz querido!

Pastor Guedes disse...

Caro Pr. Juber,

O Amado me parece muito centrado em tudo que faz e diz. Suas palavras para comigo são de uma elegância típica de um verdadeiro ministro assembleiano.

Foi uma honra poder falar para os amigos e irmãos como o Amado.

Paz do Senhor!

Pastor Guedes disse...

Prezado Daladier,

A Paz!

Leveza eu encontrei em você em suas palavras. Foi muito bom ter o seu comentário aqui a respeito da entrevista e à minha pessoa também.

Conheço você da blogosfera e sei que é boa gente.

Deus abençoe sua casa!

Forte Abraço.
No Amor de Cristo!

Suely Rezende - HD disse...

Olá Rô,
Paz amada!!

Obrigada por convidar e informar da entrevista com Pr. Guedes. Ele foi muito objetivo e claro nas suas respostas e isso possibilitou entendermos seu ministério e suas convicções.
Acho muito bom sua iniciativa (Rô) ao entrevistar pessoas especiais, pessoas do Senhor.

Deus abençoe a todos,
beijos
Suely

disse...

Pr. Guedes, agradeço por ter aceitado o convite, foi uma honra te-lo em minha sala de visita, louvo a Deus por sua vida, e que bom poder conhecer um pouquinho mais do senhor, saiba que só confirmou o que já pensava a seu respeito, o senhor é dez. Muito obrigada a todos que participaram também, que todos possam seguir o blog do Pr. Guedes, pois é muito bom. Paz!

Entrevista Encerrada!

Pastor Guedes disse...

Rô,

Desculpe. Vi somente agora seus agradecimentos. Postei a entrevista em meu blog para ficar registrado e dá maior visibilidade ainda ao seu excelente blog.

Eu é que agradeço por sua iniciativa tão nobre e fico grato também por suas palavras a meu respeito. Além de conhecer muita gente boa, responder as perguntas e sorrir (brincar) com eles, foi muito satisfatório para mim. Tive nesses dias um acréscimo de 11 novos seguidores e muitos, muito acessos mesmo.

Espero que esse natal seja muito especial ao lado de seu esposo e filhos. Que sua casa seja visitada com aquela bênção sacudida e transbordante tanto no aspecto espiritual como material, psicológico, conjugal, familiar e relacional.

Paz!
No Amor de Cristo!

disse...

Obrigada Pr. Guedes, quando eu digo que o senhor é dez não é atoa viu? rsss
Feliz Natal Pr. Guedes, que o Senhor Deus e pai continue abençoando a sua vida e a dos teus em cristo Jesus para louvor da sua glória. Paz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...