Subscribe:

16 de setembro de 2013

Uma prova irrefutável da veracidade da Bíblia, encontraram a Arca de Noé.

1 comentários:

Paulo Eduardo disse...

A notícia não é nova. Apesar de estar sendo espalhado pela web no final de setembro de 2013, o texto do suposto achado roda por aí desde 2010! Como a história não está datada, pode voltar a circular novamente nos próximos anos.
A matéria que serviu de fonte para a volta dessa “descoberta incrível” foi publicada, de fato, pelo jornal português Correio da Manhã no dia 27 de abril de 2010. Escrita por Izabel Chaves, a pequena nota se baseia em um artigo do jornal espanhol 20 Minutos, que se baseou em uma reportagem feita pela agência de notícias turca Anadolu Ajansi.
Vários outros veículos de notícias online acabaram embarcando na história, dentre eles a renomada Fox News, que acabou por publicar também uma matéria sobre o tal achado.
No entanto, três dias depois, a Fox News publicou outra reportagem onde explicou que a história da Arca de Noé que teria sido encontrada no Monte Ararat era falsa!
De acordo com a repórter Lauren Green (que é correspondente da Fox em Nova York para assuntos relacionados à religião), vários especialistas analisaram as fotografias e determinaram que:
As madeiras mostradas nas fotos não aparentam tão velhas o suficiente
Não existem imagens que provem a localização da tal arca para que pudessem verificar o local
Nenhum perito independente teve acesso aos dados
Nunca houve evidências de que houve, de fato, uma grande inundação no planeta.
Em entrevista à Lauren Green, o Dr. Randall Price – diretor de Estudos Judaicos da Universidade Liberty – explicou que fazia parte da equipe que tentava encontrar a Arca de Noé até 2008, quando saiu, percebendo que seu projeto estava, na verdade, sendo aproveitado por guias curdos, que transformaram a busca da arca em uma indústria.
Um dos exploradores dentro do local que seria a Arca de Noé! (foto: Divulgação)
Um dos exploradores dentro do local que seria a Arca de Noé! (foto: Divulgação)

Como podemos ler em uma carta escrita pelo doutor Price a um de seus alunos, ele e mais alguns parceiros haviam investido cerca de U$100mil na expedição, mas percebeu que estava sendo enganado quando viu as fotos e filmagens do local onde teriam achado a Arca de Noé (que, segundo ele, foram tiradas em algum local próximo ao Mar Vermelho, bem longe do Ararat). Podemos ler um trecho da carta abaixo:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...