Pular para o conteúdo principal

Bloco evangélico desfila oficialmente no Carnaval do Rio

Voluntários da IBC Barra evangelizam durante o percurso falando com o público que acompanha o Carnaval carioca


A Igreja Batista Central da Barra da Tijuca tem um bloco carnavalesco chamado “Sou Cheio de Amor”. Um projeto evangelístico que agora recebeu autorização para desfilar oficialmente durante o Carnaval do Rio de Janeiro.
Este é o segundo ano que o bloco vai sair às ruas, mas o primeiro confirmado dentro do circuito que sai da praia do Recreio. O desfile vai acontecer no dia 17 de fevereiro às 14h tendo participação da banda Cheio de Amor, que trará canções em axé, samba e pagode.
O tema deste ano é “O Sangue Libertador”, e o versículo de inspiração é Isaías 61:1 que diz: “… Enviou-me para cuidar dos que estão com o coração quebrantado, anunciar liberdade aos cativos…”
Milhares de pessoas devem acompanhar o trio, para ficar perto do bloco é preciso adquirir a camisa que custa R$ 20 e ainda contribuir com 1 kg de alimento não perecível. Os alimentos doados serão destinados às 12 instituições sociais apoiadas pela IBC Barra.
O Bloco Sou Cheio de Amor tem como objetivo evangelizar as pessoas que curtem o carnaval, levando a mensagem de Jesus através da música. Ao longo do percurso o evangelismo corpo a corpo é feito por voluntários da igreja e o pastor Josué Valandro Júnior, presidente da IBC, ainda participa levando uma palavra.
Serviço: 
Desfile do bloco Sou Cheio de Amor: Posto 10 da praia do Recreio, zona oeste do Rio de Janeiro
Data: 17 de fevereiro
Horário: 14h (concentração no posto 10) às 19h
Venda de camisas: Domingo na Rua Sylvio da Rocha Pollis, nº 751 /segunda a sexta: na Rua José Eiras Pinheiro, nº 107, Cond. Rio Mar.


Gospel Prime

Comentários

Tom Alvim disse…
Quando eu ainda era um adolescente e morava no Rio de Janeiro, fui convidado por um amigo para ver um ensaio de um "bloco de carnaval dos crentes". Confesso que achei aquilo bem deprimente...o que deveria se trigo, estava cada vez mais parecido com o joio...Para mim isso não cola, querer dizer que é uma oportunidade para evangelizar....evangelismo podemos E DEVEMOS fazer sempre que Deus nos der oportunidade, mas isso é na verdade o contrário...a "igreja" cada vez mais parecida com o mundão...que vergonha!
Pb Fernando disse…
Um bando de pecadores inveterados que jamais tiveram uma real encontro com Cristo e sua Palavra querendo simplesmente satisfazer seus desejos carnais.

Postagens mais visitadas deste blog

Janaína Paschoal disse: " Se essa dupla acontecer será pra revolucionar o país" na chapa com Bolsonaro

Disse janaína à rádio Eldorado, sobre a possibilidade de ser vice na chapa de Jair Bolsonaero.

E mais: "Se essa dupla não consegue mudar o Brasil, ninguém consegue. São duas pessoas de personalidade muito forte. Não conheço ninguém que ame mais o Brasil do que eu. Para o país , seria algo significativo."
Sequer conhece o Bolsonaro pessoalmente.

Segundo o Antagonista a decisão de topar ou não a vaga- se o convite acontecer de fato- é "séria demais" e demandaria "um longo diálogo com o candidato".
(Convite aceito)

Advogado desiste de defender Lula

Ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e um dos principais advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Sepúlveda Pertence enviou uma carta ao petista, na sexta-feira passada, em que comunicou sua intenção de deixar a banca de defesa “com pesar”. Segundo dirigentes do PT, Pertence deixou claro que as divergências com outros advogados da causa motivaram a decisão. O manuscrito foi levado a Lula, preso em Curitiba desde 7 de abril, pelo filho de Pertence, Evandro.
Na quarta-feira, o advogado Sigmaringa Seixas se encontrou com Lula em Curitiba para falar que Pertence queria deixar a sua defesa. O ex-presidente foi reticente e disse que não aceitaria que o ex-ministro, seu amigo há 40 anos, saísse da causa.
Na sexta-feira, ao receber a carta de Evandro, Lula repetiu que era contra a renúncia de Pertence e não quis ler o documento, que ficou com ele. O petista e seu advogado devem conversar pessoalmente nos próximos dias para definirem se o medalhão permanecerá ou não na banc…

Com o bolso cheio e a moral esfacelada, Sepúlveda deixa a defesa de Lula

Lula não aceita e chamou Sepúlveda para conversar em Curitiba.
É oficial. O ex-ministro Sepúlveda Pertence não faz mais parte da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em carta, ele anunciou ‘com pesar’ sua intenção de deixar a banca de defesa. A missiva de Sepúlveda foi entregue ao presidiário por seu filho Evandro Pertence. O ex-ministro encerra assim um dos episódios mais tristes e vergonhosos de sua carreira. Sepúlveda enumera diversos episódios que teriam sido preponderantes para a sua decisão, mas o fato marcante foi sem dúvida a verdadeira humilhação a que foi submetido pelo advogado Cristiano Zanin. Segundo o jornal O Globo, Lula disse que não aceita a renúncia. Sepúlveda terá que comparecer a Curitiba para conversar com o petista. O encontro dever ocorrer no decorrer desta semana. Jornal da Cidade