Subscribe:

22 de maio de 2015

Por que Youssef assinou o atestado de óbito de José Janene?


Morte do ex-parlamentar é cercada de fatos suspeitos que serão investigados após a viúva dizer que não tem certeza se Janene está morto



A morte do deputado José Janene (PP), em 2010, vem provocando tumulto na CPI da Petrobras. Após a viúva do ex-parlamentar dizer que tem dúvidas sobre a morte do marido e o presidente da comissão, Hugo Motta (PMDB-PB), dizer que pedirá a exumação do cadáver, um novo fato aumenta a suspeita sobre o caso. O nome que consta como declarante na certidão de óbito de Janene é o do doleiro Alberto Youssef e não o de um familiar, como é comum.
egundo uma reportagem da Folha, a informação de que o ex-deputado poderia estar vivo teria partido de sua viúva, Stael Fernanda, que teria dito que o caixão chegou lacrado e ninguém viu o corpo do marido. Horas depois do anúncio do pedido de exumação, Fernanda mudou o tom e disse que a proposta era “desrespeitosa” e “absurda”.
De acordo com a filha do falecido deputado, Danielle Janene, o doleiro é amigo da família de longa data e participou do reconhecimento do cadáver, ficando responsável pelos trâmites burocráticos. Danielle afirmou também que o velório foi feito com o caixão aberto e que os membros da CPI querem apenas “cinco minutos de fama”.
José Janene seria julgado pelo mensalão em 2012, mas morreu dois anos antes. De acordo com a delação premiada de Alberto Youssef, o ex-parlamentar também era um dos envolvidos nos casos de corrupção da Petrobras.
Amizade de longa data
Segundo informações de Stael Fernanda, Youssef passou a frequentar a casa da família Janene ainda em 2004 e foi convidado para ser padrinho do filho mais novo do casal. Fernanda disse não ter certeza de quando os dois iniciaram os “negócios”.
Um ex-funcionário do falecido deputado afirmou que os dois já se conheciam em 1996. No ano de 2003, um cheque de R$ 150 mil, no nome de Janene, foi encontrado na casa do doleiro, quando ele foi preso por envolvimento no caso do Banestado.



0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...