Subscribe:

24 de fevereiro de 2016

Janot, pede abertura de novo inquérito contra Renan Calheiros



Mais uma vez o Procurador-Geral da Republica pede ao Supremo Tribunal um inquérito contra o presidente do Senado, Renan calheiros (PMDB-AL)
Trata-se de um desdobramento de outro inquérito que corre no STF, no qual Renan foi acusado de ter as despesas de uma filha que teve fora do casamento coma Jornalista Mônica Velloso pagas pela empreiteira Mendes Júnior.
  No inquérito já aberto Renan foi acusado de crimes de peculato, falsidade ideológica e uso de documento falso porque teria, conforme a PGR recebido dinheiro ilegalmente da  construtora e fraudado notas fiscais para atestar que tinha dinheiro para pagara despesas.

Janot agora quer investigar se Renan cometeu crime tributários e lavagem de dinheiro por conta deste dinheiro movimentado nas contas. De acordo com informações do tribunal, a investigação já tem aproximadamente 2 mil páginas.  Renan calheiros também é alvo de mais seis inquéritos na Operação lava jato. ele é suspeito de ter recebido propina de dinheiro desviado da Petrobras.

O relator do inquérito já aberto e do novo pedido feito pela procuradoria contra Renan é o ministro Luiz Edson Fachin. Ele ainda terá que analisar o pedido da procuradoria para que a apuração tenha prosseguimento com coletas de provas.

a denuncia feita contra o senador no caso Mônica Velloso foi incluída na pauta de julgamentos do Supremo, para que o tribunal decidisse se o parlamentar seria ou não réu numa ação penal. Mas Fachin retirou o caso de pauta após pedido da defesa, que alegou que uma prova não foi coletada. O ministro argumentou que, se a denúncia fosse julgada, poderia enseijar uma nulidade no processo.

Informações- Folha Política 

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...