Subscribe:

16 de abril de 2016

Aliado de Temer diz que seu grupo tem 'estoque de votos'


DANIELA LIMA
DE BRASÍLIA

16/04/2016 13h10

Pedro Ladeira/Folhapress
O senador Romero Jucá (PMDB-RR) discursa na tribuna do Senado Federal, em Brasília (DF)
O senador Romero Jucá (PMDB-RR) discursa na tribuna do Senado Federal, em Brasília (DF)
Presidente interino do PMDB e aliado do vice-presidente Michel Temer, o senador Romero Jucá (RR) disse que o governo vem promovendo um "ataque especulativo" sobre os deputados nas últimas horas, mas que no QG peemedebista o clima é de tranquilidade. Ele ainda criticou o clima de acirramento e a briga entre seguranças do ex-presidente Lula e militantes pró-impeachment. "Até lara perder tem que ter elegância."
O peemedebista falou ao chegar na residência oficial de Temer, em Brasília. "É natural que o governo tente fazer um esforço, não esperávamos que eles ficassem de braços cruzados. Mas confiamos que os parlamentares tem responsabilidade com o país", disse Jucá.
Ele afinou que os aliados de Temer tinham uma "reserva de votos" para exibir quando houvesse a escalada da ofensiva do governo contra o impeachment. "Em todos os planares o que se vê é o aumento dos votos [pró-impeachment]. Agora é acompanhar e esclarecer qualquer tipo de dúvida", afirmou.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...