Pular para o conteúdo principal

JOSÉ DE ABREU PODE SER INVESTIGADO POR LEI ROUANET NA LAVA JATO? 'QUE VENHA!'

No Twitter, ator disse que tudo seria colocado em pratos limpos. Ele negou usar benefício.






















 Operação Lava Jato anunciou nesta sexta-feira, 03, que investigará os 100 maiores beneficiários/captadores da Lei Rouanet, vinculada ao Ministério da Cultura. Muita gente então quer saber quem serão os artistas, personalidades e empresas a serem investigadas. Um nome, no entanto, deve ficar de fora da lista da Polícia Federal, o do ator convictamente petista José de Abreu. Isso porque ele revelou que não gosta de captar para projetos durante uma recente e polêmica entrevista ao apresentador Fausto Silva, da TV Globo. Ele até disse a seguinte frase no Twitter: "Que venha a Lava Jato". 
Nesta sexta-feira, José de Abreu fez inúmeras publicações a respeito da criação de uma investigação para periciar a Lei Rouanet. A Polícia Federal já pediu dados dos beneficiários ao Ministério do Planejamento. Os profissionais da segurança querem saber se depois que o dinheiro foi captado, os produtores culturais provaram que os projetos realmente foram feitos nos moldes da aprovação do Ministério da Cultura, que é quem aprova a captação.
José de Abreu escreveu que fica feliz por saber que investigarão a Rouanet, pois segundo ele, os maiores beneficiários seriam "coxinhas", fazendo uma referência às pessoas de ideologia mais voltada à direita. Ele negou que algum "petralha" esteja envolvido em qualquer irregularidade. Além da Operação Lava Jato, artistas já são alvos de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara dos Deputados, que quer saber como o dinheiro foi gasto. O governo renuncia uma porcentagem do Imposto de Renda de empresários na hora que autoriza a captação de dinheiro para projetos. 

Polêmica do cuspe

Na ocasião, José de Abreu comentava um episódio lamentável em sua vida. Após receber agressões verbais de um casal por conta de sua convicções políticas em um restaurante japonês de São Paulo, o profissional da dramaturgia se levantou e cuspiu na dupla. O caso repercutiu em todo o país. Um vídeo publicado na internet mostrava José de Abreu cantando o hino nacional antes de realizar a agressão. O casal disse por meio de nota, na época, que queria passar uma borracha nesse episódio. Já o ator alegou que não se arrependia do seu ato. 

Blastingnews





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Filho de Lula mergulha na depressão: "Meu mundo caiu"

O jovem Luís Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, está vivendo em estado de profunda depressão. A informação extremamente abalizada e fidedigna é da respeitabilíssima coluna Radar, da Revista Veja. O quadro depressivo teria se agravado após a prisão do ex-presidente. Luleco, como é conhecido o rapaz, é réu na Operação Zelotes, juntamente com o pai. Os seus advogados já conseguiram adiar o seu interrogatório por quatro vezes. Fortes rumores indicam que Lula, de dentro da cadeia, tenta conseguir através do deputado petista e atual presidente do Corinthians, Andrés Sanches, um time na Europa para o garoto trabalhar. Há quem diga que o seu estado tem se agravado bastante em função do temor de ser preso. Lula quer afastá-lo do Brasil.

Jornal da Cidade

Janaína Paschoal disse: " Se essa dupla acontecer será pra revolucionar o país" na chapa com Bolsonaro

Disse janaína à rádio Eldorado, sobre a possibilidade de ser vice na chapa de Jair Bolsonaero.

E mais: "Se essa dupla não consegue mudar o Brasil, ninguém consegue. São duas pessoas de personalidade muito forte. Não conheço ninguém que ame mais o Brasil do que eu. Para o país , seria algo significativo."
Sequer conhece o Bolsonaro pessoalmente.

Segundo o Antagonista a decisão de topar ou não a vaga- se o convite acontecer de fato- é "séria demais" e demandaria "um longo diálogo com o candidato".
(Convite aceito)

Advogado desiste de defender Lula

Ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e um dos principais advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Sepúlveda Pertence enviou uma carta ao petista, na sexta-feira passada, em que comunicou sua intenção de deixar a banca de defesa “com pesar”. Segundo dirigentes do PT, Pertence deixou claro que as divergências com outros advogados da causa motivaram a decisão. O manuscrito foi levado a Lula, preso em Curitiba desde 7 de abril, pelo filho de Pertence, Evandro.
Na quarta-feira, o advogado Sigmaringa Seixas se encontrou com Lula em Curitiba para falar que Pertence queria deixar a sua defesa. O ex-presidente foi reticente e disse que não aceitaria que o ex-ministro, seu amigo há 40 anos, saísse da causa.
Na sexta-feira, ao receber a carta de Evandro, Lula repetiu que era contra a renúncia de Pertence e não quis ler o documento, que ficou com ele. O petista e seu advogado devem conversar pessoalmente nos próximos dias para definirem se o medalhão permanecerá ou não na banc…