Subscribe:

17 de julho de 2016

Sérgio Moro passa carão em Ricardo Lewandowski: vai perguntar pro Teori




Há poucos dias , o presidente do STF Ricardo Lewandowski atendeu à uma solicitação da defesa do ex-presidente Lula e exigiu do Juiz Sérgio Moro que explicasse ao STF os fundamentos da decisão de gravar e autorizar a divulgação das conversas. Lewandowski deu a Moro um prazo de 48 horas para prestar informações após ser notificado.

Vencido o prazo, o juiz Moro da Justiça federal do Paraná, enviou nesta quarta-feira 13, um documento ao STF esclarecendo que a questão já foi devidamente esclarecida pelo também ministro do STF, Teori Zavascki, o relator da lava jato na Corte.

" A pretensão aparente do reclamante (Lula) de que este Supremo Tribunal Federal novamente avoque o processo de interceptação e finalmente invalide os diálogos interceptados do ex- presidente com autoridades com foro privilegiado não é consistente com a decisão já tomada pelo Ministro Teori Zavascki, que não invalidou essa prova e que devolveu o processo a este juízo, e que está sendo cumprida estritamente por este juízo", Afirmou o Juiz.



" Enfim a pretensão aparente do reclamante de que este Supremo Tribunal Federal novamente avoque o processo do ex-Presidente com autoridades de interceptação 5006205-98.2016.4,04.7000 e finalmente invalide os diálogos interceptados do Ex-presidente com autoridades com foro privilegiado não é portanto, consistente com a decis~~ao já tomada pelo Ministro  Teori Zavascki em 13/06/2016 na Reclamação 23.457, que não invalidou essa prova e que devolveu o processo a este Juízo", Resumiu Moro.

Imprensa Viva

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...