Subscribe:

26 de janeiro de 2017

Alucinada, professora pró-PT diz que Dória deve ser processado por “dilapidar patrimônio público” por apagar pichações


A professora adjunta da Faculdade de Direito de Recife, Liana Cirne Lins, fez um texto no Facebook alegando que o prefeito de São Paulo, João Doria, deve ser processado por supostamente “dilapidar patrimônio público”.
A professora alega que Doria, ao mandar apagar as pichações da cidade, está ” se apropriando do patrimônio cultural, que é da coletividade” deixando claro que a linguagem jurídica foi para as cucuias.
Ela também o acusou de dilapidar o patrimônio artístico e incentivou os pichadores a denunciarem o prefeito por crime de dano qualificado.
Juridicamente falando não há consistencia alguma no argumento da professora e qualquer jurista sério sabe disso. Pichação é vandalismo, e não se enquadra de nenhuma forma como patrimônio.
Uma simples olhada no Facebook de Liana é o suficiente para não ter dúvidas, a professora deixam é petista e apoia Haddad, o que só tira ainda mais o peso do seu argumento patético. Acima de qualquer suposta preocupação social existe um desejo quase doentio de atacar o prefeito que deu uma surra em Haddad nas urnas.
A extrema-esquerda é rancorosa.
Jornal Livre

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...