Pular para o conteúdo principal

Guilherme de Pádua se casa no cartório com Juliana Lacerda, em Belo Horizonte

Guilherme de Pádua se casou pela terceira vez. O ex-ator, que foi condenado pelo assassinato de Daniela Perez, em 1992, casou no cartório de Belo Horizonte com a estudante de Moda Juliana Lacerda.
“Casei no cartório, agora só falta na igreja. Glória a Deus! Pra todo sapato velho existe um pé descalço! Ei! (Você aí) que tá sem esperança de se casar, calma! Se até eu arrumei, você também vai arrumar!”, escreveu Guilherme na legenda da foto postada por ele, após assinar os papéis. Guilherme e Jessica ficaram noivos no último dia 5 de março.

Guilherme de Pádua se casa pela terceira vez
Guilherme de Pádua se casa pela terceira vez Foto: Felipe Rocha/ reprodução/facebook

Juliana Lacerda compartilhou em seu perfil no Facebook várias fotos da cerimônia civil do casamento com Guilherme de Pádua, que ocorreu na terça-feira, 14. E escreveu um depoimento para o agora marido:
“Logo quando eu me converti e decidi largar absolutamente TUDO por amor a Jesus, ele me disse que receberia 100 vezes mais... Acreditei e fui até o fim, conheci uma pessoa linda e especial e logo me apaixonei, comecei a orar por ele sem parar... Muitas lutas vieram e eu não desisti porque sentia que ele era para mim... Deus me mostrou de várias formas e soube esperar, ter paciência e deixar ele agir... Agora estou eu aqui, casada, depois de tantos livramentos e de relacionamentos que não valeram a pena!!! Mas resolvi confiar e esperar, por isso digo que hoje ganhei o meu 100 vezes mais, o meu príncipe, homem mais lindo e maravilhoso do mundo, transformado e lavado pelo sangue de Jesus”.

Guilherme de Pádua se casa pela terceira vez
Guilherme de Pádua se casa pela terceira vez Foto: Felipe Rocha/ reprodução/facebook

Em seu texto sobre a noiva, Guilherme explicou como o casal se conheceu: “Conheci a Ju em um tempo de muita dor e fomos somente amigos por mais de um ano... Neste tempo, tivemos muitas oportunidades de ficarmos com pessoas melhores aos olhos naturais (com melhor situação financeira), no caso dela também sem um passado manchado... Tantas foram as oportunidades”, escreveu ele. “Ju, minha esposa linda, você me conheceu numa fase tão difícil da minha vida e mesmo assim não desistiu de mim! Você é fortinha, heim, loira? Te peço perdão por meus medos, meus traumas, minhas inseguranças, dúvidas... ”

Guilherme de Pádua se casa pela terceira vez

Jornal Extra
http://m.extra.globo.com/famosos/guilherme-de-padua-se-casa-no-cartorio-com-juliana-lacerda-em-belo-horizonte-21066566.html?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=compartilhar

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dilma e Gleisi vão a Cuba 'denunciar' situação de Lula no Foro de São Paulo

A ex-presidente Dilma Rousseff e a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, viajam na semana que vem para Cuba para participar do encontro anual do Foro de São Paulo, que congrega partidos políticos e organizações de esquerda da América Latina. Ali, as duas pretendem "fazer uma denúncia" sobre a situação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que os petistas classificam como "prisão política".


"Eu vou agora para o Foro de São Paulo fazer uma denúncia também. Dilma vai, resolvemos ir para fazer a denúncia do que está acontecendo", disse Gleisi ao Valor PRO. "Nós vamos ter todos os partidos de esquerda e centro-esquerda da América Latina reunidos lá, autoridades. E nós vamos para denúncia internacional." O encontro ocorre em Havana entre o domingo, 15 de julho, e a terça, 17. No site da entidade, já há destaques para a prisão do ex-presidente, como um "Mapa de Mobilização Mundial Lula Livre" e manifestações de políticos e entidades…

Pré-candidato, Collor diz que não se arrepende de confisco da poupança

Ex-presidente falou sobre a prisão de Lula: "uma injustiça"

O ex-presidente e atual senador Fernando Collor (PTC), em entrevista à Folha de S.Paulo publicada nesta sexta-feira (13), afirmou que o confisco das cadernetas de poupança implementado por seu governo "era uma necessidade absoluta" e que "faria do mesmo jeito" se tivesse que voltar àquele momento.


"Era uma necessidade absoluta. Se voltando àquele momento, faria do mesmo jeito. Tem a questão do próprio impeachment, que é uma coisa interessante", disse, ao ser questionado se o gesto foi um equívoco.


"O que houve foi um bloqueio do dinheiro que circulava na economia. A inflação estava em 82% ao mês. Havia instrumentos de especulação financeiros danosos, tínhamos que criar um ambiente em que pudéssemos fazer um congelamento de preços, que é algo terrível, uma medida que a gente deve evitar o quanto possível", disse ele na entrevista.


O senador disse ainda que continuará com a pré-can…

Descontrolada, Gleisi diz que o juiz Sérgio Moro é 'safado e sem-vergonha'; assista

A senadora Gleisi Hoffmann subiu à tribuna do Senado para defender a tentativa de tirar o ex-presidente Lula da cadeia com um habeas corpus ilegal concedido por um desembargador militante no plantão, contrariando o próprio Tribunal, as cortes superiores, e o CNJ. Descontrolada, Gleisi concentrou seus ataques no juiz Sérgio Moro, que ela chamou de "safado e sem-vergonha". Gleisi ainda garantiu que "O Brasil vai pagar muito caro, a democracia brasileira vai pagar muito caro. E eu tenho certeza de que vamos criar situações muito graves no Brasil ainda de instabilidade, a que nós não vamos conseguir dar direção e saída".



Assista: 

Leia também: