Pular para o conteúdo principal

Silas Malafaia responde sobre a polêmica com o pastor Paulo Junior.

por Rô Moreira



Silas Malafaia fala para o seu público e todos os demais crentes sobre os ataques do pastor PJ, em seu programa nesse Sábado(18) na Band.

Ele não cita o nome do Paulo Junior, ele o trata como "colega." E cita de forma velada o nome do Caio Fábio, como espelho para o PJ ver, que assim como Caio Fabio se levantou contra pastores e caiu e vive no ostracismo, assim pode acontecer com o Paulo Junior.


Está chamando Paulo Junior de insensato e pergunta: quem é você pra dizer quem está certo ou errado no Evangelho?

Silas mandou o " colega" pastor PJ lavar sua boca, quando citar o Myles Munroe, Morris Cerullo, Mike Murdock.
Como sempre, ele defende sua turminha que só prega Auto-Ajuda e só Vitória.
Silas fala contra os cristãos que o julgam segundo a reta justiça(Biblia).Fala em tom de ameaça usando sua condição de clero espiritual como se não conhecêssemos a palavra de Deus.

Usa a Bíblia pra dizer que toda essa gente boa que ele citou (Myles Munroe, Morris Cerullo, Mike Murdock.), sua turma de neopentecostais está ao nosso favor, sendo assim não é contra nós.

É de lascar viu! Silas cita um pastor tradicional  dizendo que este pastor não fala contra os neopentecostais porque ele sabe que esses jejuam e expulsam demônios, e ele não faz isso.

Quem será esse pastor tradicional, hein?

E diz que o "colega" assim que ele trata o (pastor) esta correndo um risco muito sério de perder seu ministério e viver no ostracismo, porque quem se levanta contra ele, cai, como o Caio Fabio.

Mais uma vez Silas ameça os crentes, como se fosse o porta voz de Deus o "ungido". Silas ainda não entendeu que os crentes estão mudando e não querem mais seu tipo de literatura, e muito menos a do seu grupinho neopentecostal. Disse ele, que não aceita tudo dos neopentecostais, mas é claro, ele só aceita o que lhe interessa.

Vejo tudo isso, como medo do Silas. Medo de perder seus leitores que se embriagam com a literatura de Auto- Ajuda evangélica. 

O que Silas não sabe é que ninguém mais suporta esse tipo de literatura, e isso, causa prejuízos a ele e a muita gente. Acho que seja isso que está incomodando tanto o Silas.
E tem também o sucesso da Consciência Cristã que tem levado muitos irmãos a assistir uma aula Biblica com os melhores teólogos da atualidade e isso pode atrapalhar o (Congressos Fogo para o Brasil) de Silas Malafaia.

Comentários

Unknown disse…
Malafaia já era. Perdeu o bonde do bom senso. Há anos. E agora, como na política, no meio evangélico há um povo se levantando para a busca da verdade. Chega dessas falsas pregações, vazias em si mesmo. Chega de roubos, manipulações. Chega.
Sérgio Sousa disse…
Silas Malafaia não seria Silas Malafaia se não resolvesse defender a macumbaria no qual ele se embrenhou quando viu que a Teologia da Prosperidade o pode beneficiar e muito. Assim ele se coloca mais em evidência e é o que ele quer.
Sérgio Sousa disse…
Silas Malafaia não seria Silas Malafaia se não resolvesse defender a macumbaria no qual ele se embrenhou quando viu que a Teologia da Prosperidade o pode beneficiar e muito. Assim ele se coloca mais em evidência e é o que ele quer.
Sérgio Sousa disse…
Silas Malafaia não seria Silas Malafaia se não resolvesse defender a macumbaria no qual ele se embrenhou quando viu que a Teologia da Prosperidade o pode beneficiar e muito. Assim ele se coloca mais em evidência e é o que ele quer.
PAULO TAMBURRO. disse…

RÔ,

confesso-lhe em posição de genuflexão respeitosa ante estes acontecimentos na área da fé humana e envolvendo seus lideres que, isto me entristece verdadeiramente, desgasta a todos nós e enfraquece a capacidade de chamarmos para perto de Deus aqueles que ainda O ignoram, por comodismo ou ignorância.

Reconheço que o mundo da fé não pode ser um eterno mar de rosas de uníssonas e únicas verdades, mas as discrepâncias e desacordos quando ocorressem deveriam manter um nível de equilíbrio e sabedoria, pertinentes aos objetivos que as lideranças religiosas pregam.

Enfim, que atirem a primeira pedra aqueles que assim acharem melhor e a todos os outros que nunca pararam para pensar sobre a máxima sagrada do Cristo no qual diz: "Pai perdoa-lhes, pois ele não sabem o que fazem".
E alguns o que falam!
Um abração carioca e agradeço por aqui - depois de já ter respondido a você por la no blogue - pelo excepcional comentário que você fez no nosso blogue Humor em textos.

Malafaia, para que tá feio.

Postagens mais visitadas deste blog

Dilma e Gleisi vão a Cuba 'denunciar' situação de Lula no Foro de São Paulo

A ex-presidente Dilma Rousseff e a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, viajam na semana que vem para Cuba para participar do encontro anual do Foro de São Paulo, que congrega partidos políticos e organizações de esquerda da América Latina. Ali, as duas pretendem "fazer uma denúncia" sobre a situação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que os petistas classificam como "prisão política".


"Eu vou agora para o Foro de São Paulo fazer uma denúncia também. Dilma vai, resolvemos ir para fazer a denúncia do que está acontecendo", disse Gleisi ao Valor PRO. "Nós vamos ter todos os partidos de esquerda e centro-esquerda da América Latina reunidos lá, autoridades. E nós vamos para denúncia internacional." O encontro ocorre em Havana entre o domingo, 15 de julho, e a terça, 17. No site da entidade, já há destaques para a prisão do ex-presidente, como um "Mapa de Mobilização Mundial Lula Livre" e manifestações de políticos e entidades…

Pré-candidato, Collor diz que não se arrepende de confisco da poupança

Ex-presidente falou sobre a prisão de Lula: "uma injustiça"

O ex-presidente e atual senador Fernando Collor (PTC), em entrevista à Folha de S.Paulo publicada nesta sexta-feira (13), afirmou que o confisco das cadernetas de poupança implementado por seu governo "era uma necessidade absoluta" e que "faria do mesmo jeito" se tivesse que voltar àquele momento.


"Era uma necessidade absoluta. Se voltando àquele momento, faria do mesmo jeito. Tem a questão do próprio impeachment, que é uma coisa interessante", disse, ao ser questionado se o gesto foi um equívoco.


"O que houve foi um bloqueio do dinheiro que circulava na economia. A inflação estava em 82% ao mês. Havia instrumentos de especulação financeiros danosos, tínhamos que criar um ambiente em que pudéssemos fazer um congelamento de preços, que é algo terrível, uma medida que a gente deve evitar o quanto possível", disse ele na entrevista.


O senador disse ainda que continuará com a pré-can…

Descontrolada, Gleisi diz que o juiz Sérgio Moro é 'safado e sem-vergonha'; assista

A senadora Gleisi Hoffmann subiu à tribuna do Senado para defender a tentativa de tirar o ex-presidente Lula da cadeia com um habeas corpus ilegal concedido por um desembargador militante no plantão, contrariando o próprio Tribunal, as cortes superiores, e o CNJ. Descontrolada, Gleisi concentrou seus ataques no juiz Sérgio Moro, que ela chamou de "safado e sem-vergonha". Gleisi ainda garantiu que "O Brasil vai pagar muito caro, a democracia brasileira vai pagar muito caro. E eu tenho certeza de que vamos criar situações muito graves no Brasil ainda de instabilidade, a que nós não vamos conseguir dar direção e saída".



Assista: 

Leia também: