Pular para o conteúdo principal

Bianca Toledo confirma terceiro casamento e confessa ter errado antes



Bianca Toledo finalmente decidiu abrir o jogo para seus seguidores sobre seu casamento com Leandro Miranda. A ex-pastora casou em segredo no início do mês, mas esperou quase vinte dias para compartilhar esse momento oficialmente com seus fãs.

Bianca chegou a desmentir a notícia publicada em primeira mão pelo O Fuxico Gospel, ela usou suas redes sociais para alegar que estaríamos publicando “fake news” sobre o seu casamento. No entanto, como era de se esperar, ela não pode negar a informação por muito tempo.

O terceiro casamento de Bianca acontece um mês antes de completar dois anos desde que denunciou seu segundo marido, o pastor Felipe Heiderich, de ter molestado seu filho, que à época tinha apenas 5 anos. Vale lembrar que o filho da artista é fruto do seu primeiro casamento.

Em suas redes sociais, Bianca Toledo escreveu uma nota sobre o casamento, falou que vai manter muito de sua vida um pouco mais privada a partir de agora, e que está certa de que encontrou a pessoa que faltava em sua vida.


Leia:

“Meus irmãos e minhas irmãs em Cristo, passaram-se dois anos que enfrentei a pior crise da minha vida. Muitos de vocês choraram comigo e clamaram por mim. Os amo ainda mais por isso!
Viram que diminuí drasticamente meu ritmo de trabalho por dois anos e permaneci submissa a minha igreja local @unidadeemcristooficial, onde Deus curou meu coração e o do meu filho. Mudei muito a minha opinião sobre muitas coisas e meus erros me fizeram ver como eu poderia ter agido diferente. Seguindo o conselho piedoso de meus mentores @Devititus e @LarryTitus, percebi como Deus é fiel e gracioso em restaurar por completo o meu coração partido. Como o profeta Oséias disse: “ Venham, voltemos para o Senhor. Ele nos despedaçou, mas nos trará cura; Ele nos feriu, mas sarará nossas feridas. Depois de dois dias ele nos dará vida novamente; ao terceiro dia nos restaurará para que vivamos em sua presença. Conheçamos o Senhor; esforcemo-nos por conhecê-lo.

Tão certo como o nascer o sol, Ele aparecerá; virá para nós como as chuvas de inverno, como as chuvas da primavera que regam a terra.”Os 6.1-3
Eu estou vivendo esta palavra em minha vida! .
Aprendi duas lições nos últimos anos: Minha saúde e a minha inteireza em minha vida pessoal são mais importantes que a vida pública. E Deus me pediu duas coisas: Ser autêntica e humilde. A autenticidade me faz sempre dizer a verdade exatamente como ela acontece e mostrando a vida como ela é, mas hoje, com limites largos de privacidade.

Ontem (29/05/2018) eu vivi um sonho e com o apoio da minha família e da minha liderança me casei com um homem muito especial que ama verdadeiramente a mim e meu filho. Ele tem a verdade em si e me cura com seu amor. Eu irei honrá-lo e respeitá-lo sempre e quero que entendam que, desta vez, minha vida pessoal será mais privada, nunca secreta, apenas privada. Porque aprendi muito com meus erros.

A humildade que Deus me pede é de te ajudar a não errar como eu. Por isso, dessa vez não tive imprensa, não tem fotos ou vídeos. Apenas amor, muito amor e orações.
Louvado seja Deus porque fui remida. E hoje não somos apenas uma foto, somos uma família. Espero que me compreendam, pois amo muito vocês. (Bianca)♥️”

Via: FG



Por Wagner Lemos - Web Evangelista
http://webevangelista.com.br/news/bianca-toledo-confirma-terceiro-casamento-e-confessa-ter-errado-antes

Comentários

victor disse…
Que fogo hein !!! 3º casamento já !! Eles são guias cegos guiando cegos. Se um cego conduzir outro cego, ambos cairão no buraco”.
😢

Postagens mais visitadas deste blog

Brasileiros são acusados de machismo e racismo na Copa da Rússia

Em vídeo viral, um grupo de homens se aproveita do fato de uma jovem russa não saber português para assediar a moça





A Copa da Rússia mal começou e algumas atitudes de torcedores brasileiros provocaram reações inflamadas na internet. Em um vídeo publicado na noite de sábado (16/6), alguns homens se aproximaram de uma jovem estrangeira, aparentemente russa, e fizeram uma gravação com ela. Nas redes sociais, o ato foi apontado como uma demonstração de machismo e racismo. Entre outros impropérios, o grupo cantou “essa buceta é bem rosinha”, referindo-se à cor da mulher. A moça, que obviamente não entende uma única palavra em português, cantou junto a eles, sem ter noção do desrespeito. A objetificação pela qual a estrangeira passa – uma pessoa é reduzida aos órgãos genitais – foi considerada ofensiva pelos internautas. Além do machismo alarmante, tendo em vista que um grupo de adultos achou por bem fazer comentários grotescos sobre o corpo de uma desconhecida na rua, há indícios de racismo…

Veja a lista dos deputados que querem uma CPI para acabar com a Lava Jato

O PT está no centro da articulação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) com o objetivo de investigar a suposta venda de “proteção” em delações premiadas por parte de advogados e delatores. Trata-se da "CPI das delações", com potencial para afetar os trabalhos da operação Lava Jato e até extingui-la. 

Segundo o líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (PT-RS), trata-se de uma investigação sobre a "indústria da delação". Os pontos de partida serão as delações dos doleiros Vinícius Claret, o Juca Bala, e Cláudio de Souza, integrantes do esquema comandado por Dario Messer, chamado de “doleiro de todos os doleiros”, que acusam o advogado Antonio Figueiredo Basto, um dos maiores especialistas do País em colaborações premiadas, de cobrar uma “taxa de proteção” de US$ 50 mil mensais (cerca de R$ 185 mil) de outros integrantes do esquema entre 2005 e 2013.
Veja quem são os deputados que assinaram o pedido: 


Cármen Lúcia arquiva processo sobre menção de Joesley a ministros do STF Presidente do STF determinou extinção da investigação aberta, a pedido dela, para apurar citação a ministros na delação de executivos da empresa JBS Por Agência Brasil

Cármen Lúcia: "Não poderia pender qualquer tipo de mais leve dúvida sobre a conduta daqueles que compõe, que integram este Supremo Tribunal Federal" (Rosinei Coutinho/SCO/STF/Agência Brasil) A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, informou, na abertura da sessão plenária desta quinta-feira (21), ter determinado a extinção e o arquivamento definitivo da investigação aberta, a pedido dela, pela Polícia Federal, para apurar citação a ministros da Corte na delação de executivos da empresa JBS, do grupo J&F. A decisão foi tomada após o diretor-geral da PF, Rogério Galloro, entregar o relatório final das investigações à Cármen Lúcia. De acordo com o documento, “não foram encontradas gravações que indicassem qualquer participação de ministros do Supremo Tribunal Federal envolvidos e ou citados em qualquer ato ilícito”. Com base no relatório da PF, Cármen Lúcia afirmou que “não houve, não há qualquer dúvida, que tenha sido extraída de qualquer doc…