Pular para o conteúdo principal

General faz apelo ao Brasil: 'É pelo voto em cédulas que temos que lutar e, independente de lograrmos êxito ou não, de termos ou não confiança no processo, NÃO PODEMOS DEIXAR de comparecer às nossa seções eleitorais e DE VOTAR!'


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Após a decisão do Supremo Tribunal Federal que impediu a implementação do voto impresso, o General Paulo Chagas recomendou aos brasileiros que lutem pelo voto em cédulas de papel, mas, principalmente, que compareçam às urnas para votar. 

Leia o texto do General Paulo Chagas: 

A possibilidade de substituir as urnas eletrônicas por cédulas em papel está no orçamento e nas obrigações do TSE, porquanto é necessário tê-las em quantidade suficiente, em todas as Seções Eleitorais. 
A proposta do voto em papel, embora "retrógrada" aos olhos dos doutos ministros do STF, é, sem dúvida, mais confiável do que a eletrônica, porque a fraude material é mais fácil de ser detectada do que a digital.

É pelo voto em cédulas que temos que lutar e, independente de lograrmos êxito ou não, de termos ou não confiança no processo, NÃO PODEMOS DEIXAR de comparecer às nossa seções eleitorais e DE VOTAR!
O que virá depois é uma outra luta, entre tantas que os brasileiros de bem têm pela frente!
É como penso que tem que ser e como julgo que todos devem proceder.

Gazeta social

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O sumiço da Faca e o registro na Câmara: Adelio não agiu sozinho, alerta Alexandre Garcia (Veja o Vídeo)

Algo de muito podre ronda a Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados.

Após o golpe em Jair Bolsonaro, Adelio se livrou rapidamente da faca. Tudo indica que repassou para alguém, tanto é que a ‘arma branca’ foi encontrada numa barraca de ambulante, nas imediações. Alguém jogou esta faca onde foi achada. Parece óbvio. A questão do registro na Câmara também deve ser cuidadosamente examinada. Algo de muito podre ronda a Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados. O diretor do setor alega que um recepcionista registrou por engano a entrada de Adélio Bispo de Oliveira no local, no dia 6 de setembro, o dia do atentado contra Jair Bolsonaro. Ora, foram constatados os registros de duas entradas do criminoso. O tal servidor registrou por engano duas vezes? E o nome do servidor distraído agora é mantido sob sigilo? Parece óbvio que caso o atentado tivesse sido exitoso e no meio da multidão Adelio alcançasse a fuga, o álibi estaria pronto. Esse era o plano e isto parece bem claro. Veja o vídeo…

Alvaro Dias chama Bolsonaro de “vagabundo bandido” e “quase morto” e recebe resposta do senador Magno Malta

Sem saber que estava sendo gravado, Álvaro Dias aproveitou para destilar todo o seu veneno com comentários maldosos sobre Jair Bolsonaro. O candidato do Podemos afirmou que Bolsonaro é um “vagabundo bandido” e que ‘ta quase morto”. Ainda no mesmo trecho, Dias afirma que “se não fosse a facada eu estaria destruindo ele hoje.”
Alvaro Dias ataca Bolsonaro e recebe A RESPOSTA de Magno Malta

ADÉLIO NA TV- A defesa de Adélio Bispo de Oliveira, pede autorização a juíz, para que Adélio de entrevista a um programa de televisão

Por Claudio Dantas  ( O Antagonista) A defesa de Adélio Bispo de Oliveira, que tentou matar Jair Bolsonaro, pediu ao juiz Bruno Savino, da 3ª Vara da Justiça Federal de Juiz de Fora (MG), autorização para que o criminoso conceda entrevista a um programa de televisão.
O MPF se manifestou pelo encaminhamento do pedido à Direção da Penitenciária Federal de Campo Grande (MS), onde Adélio está custodiado. Savino concordou.