Pular para o conteúdo principal

Último sul-americano na Copa, Brasil tentará impedir contra Bélgica quarto título seguido da Europa; Velho Mundo reina nos torneios da Fifa

Brasil é o último representante da América do Sul na Copa. Foto: Lucas Figueiredo/CBF
BRASIL É O ÚLTIMO REPRESENTANTE DA AMÉRICA DO SUL NA COPA. FOTO: LUCAS FIGUEIREDO/CBF
Esporte Correio Braziliense
Com a eliminação do Uruguai contra a França, resta ao Brasil ser a América do Sul contra uma Europa cada vez mais soberana em todas as competições masculinas organizadas pela Fifa.
O Velho Continente faturou as últimas três edições da Copa do Mundo, com Itália (2006), Espanha (2010) e Alemanha (2014). Faturou os últimos três mundiais Sub-20. França (2013), Sérvia (2015) e Inglaterra (2017) subiram ao degrau mais alto do pódio. Na categoria Sub-17, os sul-americanos não levam o título desde a conquista do Brasil na Finlândia, em 2003. A Inglaterra é a atual detentora do título. No Mundial de Clubes, o Corinthians é o último não europeu a dar volta olímpica. Em 2012, O time paulista superou o Chelsea. Depois, deu Bayern de Munique (2013), Real Madrid (2014, 2016 e 2017) e Barcelona (2015).
Portanto, se o Brasil for eliminado pela Bélgica nas quartas de final, aqui em Kazan, a Europa será campeão da Copa do Mundo pela quarta vez consecutiva. Três já é um recorde impressionante. Nunca antes na história da Copa do Mundo o mesmo continente havia faturado três títulos consecutivos. Até então, eram no máximo duas, como no bi da Itália (1934 e 1938) e do Brasil (1958 e 1962). A América do Sul corre o risco de repetir 2006 e não chegar sequer às semifinais. Naquele ano, Alemanha e Itália fizeram um dos duelos. O outro opôs França e Portugal.
Como os outros duelos das quartas de final só envolvem europeus, as classificações de França e Bélgica nesta sexta transformariam a competição numa Eurocopa. Os outros duelos são entre Rússia e Croácia e Inglaterra e Suécia.
Das últimas três finais de Copa do Mundo, apenas uma teve presença de seleção sul-americana. A Argentina decidiu o título de 2014 com a Alemanha. Nas anteriores, França e Itália fizeram a final de 2006; e Espanha e Holanda em 2010.
Contra a Bélgica, o Brasil também tentará repetir o feito de ser o único país de fora da Europa a faturar a Copa em solo europeu. Há 60 anos, superou a anfitriã Suécia na decisão. Aqui na Rússia, o Peru foi eliminado na fase de grupos. Argentina e Colômbia deram adeus nas oitavas. O Uruguai acaba de arrumar as malas para o retorno. Resta o Brasil superar a Bélgica para salvar a América do vexame de não chegar às semifinais.

MONOPÓLIO EUROPEU NOS TORNEIOS DA FIFA
» Últimos 3 campeões da Copa do Mundo
2014: Alemanha
2010: Espanha
2006: Itália
Brasil foi o último campeão não europeu, em 2002.
» Últimos 3 campeões do Mundial Sub-20
2017: Inglaterra
2015: Sérvia
2013: França
Brasil foi o último campeão não europeu, em 2011.
» Últimos 3 campeões do Mundial Sub-17
2017: Inglaterra
2015: Nigéria
2013: Nigéria
México foi o último campeão não europeu, em 2011.
» Últimos campeões do Mundial de Clubes da Fifa
2017: Real Madrid
2016: Real Madrid
2015: Barcelona
Corinthians foi o último campeão não europeu, em 2012.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O sumiço da Faca e o registro na Câmara: Adelio não agiu sozinho, alerta Alexandre Garcia (Veja o Vídeo)

Algo de muito podre ronda a Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados.

Após o golpe em Jair Bolsonaro, Adelio se livrou rapidamente da faca. Tudo indica que repassou para alguém, tanto é que a ‘arma branca’ foi encontrada numa barraca de ambulante, nas imediações. Alguém jogou esta faca onde foi achada. Parece óbvio. A questão do registro na Câmara também deve ser cuidadosamente examinada. Algo de muito podre ronda a Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados. O diretor do setor alega que um recepcionista registrou por engano a entrada de Adélio Bispo de Oliveira no local, no dia 6 de setembro, o dia do atentado contra Jair Bolsonaro. Ora, foram constatados os registros de duas entradas do criminoso. O tal servidor registrou por engano duas vezes? E o nome do servidor distraído agora é mantido sob sigilo? Parece óbvio que caso o atentado tivesse sido exitoso e no meio da multidão Adelio alcançasse a fuga, o álibi estaria pronto. Esse era o plano e isto parece bem claro. Veja o vídeo…

Alvaro Dias chama Bolsonaro de “vagabundo bandido” e “quase morto” e recebe resposta do senador Magno Malta

Sem saber que estava sendo gravado, Álvaro Dias aproveitou para destilar todo o seu veneno com comentários maldosos sobre Jair Bolsonaro. O candidato do Podemos afirmou que Bolsonaro é um “vagabundo bandido” e que ‘ta quase morto”. Ainda no mesmo trecho, Dias afirma que “se não fosse a facada eu estaria destruindo ele hoje.”
Alvaro Dias ataca Bolsonaro e recebe A RESPOSTA de Magno Malta

ADÉLIO NA TV- A defesa de Adélio Bispo de Oliveira, pede autorização a juíz, para que Adélio de entrevista a um programa de televisão

Por Claudio Dantas  ( O Antagonista) A defesa de Adélio Bispo de Oliveira, que tentou matar Jair Bolsonaro, pediu ao juiz Bruno Savino, da 3ª Vara da Justiça Federal de Juiz de Fora (MG), autorização para que o criminoso conceda entrevista a um programa de televisão.
O MPF se manifestou pelo encaminhamento do pedido à Direção da Penitenciária Federal de Campo Grande (MS), onde Adélio está custodiado. Savino concordou.