Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2019

MORO RECUA EM NOMEAÇÃO DE ILONA SZABÓ

Sergio Moro recuou na nomeação de Ilona Szabó para o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária. Em nota, Moro pede “escusas” à ativista e explica que a indicação teve “repercussão negativa entre certos segmentos”.


Leia a íntegra: O Ministério da Justiça e Segurança Pública nomeou Ilona Szabó, do Instituto Igarapé, como um dos vinte e seis componentes do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP), órgão consultivo do Ministério. A escolha foi motivada pelos relevantes conhecimentos da nomeada na área de segurança pública e igualmente pela notoriedade e qualidade dos serviços prestados pelo Instituto Igarapé. Diante da repercussão negativa em alguns  segmentos, optou-se por revogar a nomeação, o que foi previamente comunicado à nomeada e a quem o Ministério respeitosamente apresenta escusas.

O Antagonista

Bolsonaro diz ter ouvido áudio que mostraria interesse do PCC em facada

Jair Bolsonaro disse ter tido acesso a áudios obtidos por setores de inteligência que mostrariam interesse do PCC no atentado a faca que o vitimou, em setembro de 2018, informa o UOL. O presidente fez as afirmações durante um café da manhã realizado hoje com 11 jornalistas escolhidos pelo Planalto. Bolsonaro não disse que o PCC estava envolvido no atentado, mas afirmou que, de acordo com esses áudios, a facção criminosa tinha interesse na ação e gostaria que ele não vencesse as eleições.

Bolsonaro pode negociar BPC e baixar para 60 idade para mulher se aposentar...

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que está disposto a negociar alguns pontos da reforma da Previdência, entre eles baixar a idade mínima para aposentadoria das mulheres de 62 para 60 anos. É a primeira vez que o presidente fala na possibilidade de reduzir a idade mínima após entregar a proposta ao Congresso Nacional. Bolsonaro também afirmou que pode fazer concessões no BPC (Benefício de Prestação Continuada), que é pago para idosos e deficientes de baixa renda, e na porcentagem da pensão por morte, que poderia passar de 60% para 70%. 
Eu acho que dá para cortar um pouco de gordura e chegar a um bom termo, o que não pode é continuar como está [o déficit na Previdência]", disse. As declarações foram feitas durante um café da manhã com jornalistas --além do UOL, participaram Alexandre Garcia e representantes dos seguintes veículos: Globo, Record, RedeTV!, Band, "O Estado de S.Paulo", "Correio Braziliense" e "Valor Econômico". Não foi permitido gravar …

Deputados pedem impeachment de 4 ministros do STF

RENOVA Mídia.

Quinze parlamentares entraram com pedido de impeachment de quatro ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Encabeçado pela deputada Bia Kicis (PSL-DF), o texto foi entregue nesta quarta -feira (27) ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). O documento pede a destituição dos quatro ministros que votaram para equiparar a homofobia como crime de racismo: Celso de Mello;Luís Roberto Barroso;Edson Fachin;Alexandre de Moraes.Segundo a Folha, o texto do pedido de impeachment afirma que os magistrados atuaram “em desacordo com a separação dos Poderes, na medida em que legislam no lugar dos parlamentares eleitos diretamente pelo povo para o exercício dessa função”. “Relevante ressaltar que, com a presente denúncia, não se pretende discutir o mérito da aludida decisão judicial, mas a conduta dos julgadores”, diz o texto do pedido de impeachment.

27 anos de prisão para Paulo Preto por cartel no Rodoanel

O ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza, vulgo Paulo Preto, foi condenado nesta quinta-feira (28) a uma pena de 27 anos e oito dias, sendo os oito primeiros anos em regime fechado.Paulo Preto foi acusado pelo Ministério Público Federal em São Paulo de ter fraudado licitações e participado de formação de cartel em obras do trecho sul do Rodoanel e do Sistema Viário Metropolitano de São Paulo entre 2004 e 2015. A sentença foi dada pela juíza Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Criminal de São Paulo. Esta é a primeira vez que o operador tucano é condenado na Operação Lava Jato, registra o Gaúcha ZH. Outras 32 pessoas também foram denunciadas pela Procuradoria, 24 delas por ambos os crimes e oito apenas por formação de cartel, mas o processo foi dividido em vários. As acusações tiveram como principal base dois acordos de leniência da Odebrecht com o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Oito executivos da construtora delataram o caso em 2017.

Bolsonaro pede eleições ‘limpas e confiáveis’ na Venezuela

Ao lado de Guaidó, o presidente do Brasil clamou por eleições “limpas e confiáveis” na Venezuela. Após uma breve reunião na tarde desta quinta-feira (28), o presidente da República, Jair Bolsonaro, fez um pronunciamento no Palácio do Planalto sobre a situação no país do líder opositor Juan Guaidó. Bolsonaro afirmou que não poupará “esforços” para restabelecer a democracia na Venezuela: “Nós não pouparemos esforços dentro – obviamente – da legalidade, da nossa Constituição e de nossas tradições, para que a democracia seja restabelecida na Venezuela. E todos nós sabemos que isso será possível através, não apenas de eleições, mas de eleições limpas e confiáveis.” Pouco antes da fala de Bolsonaro, o presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, disse que o encontro desta quinta no Planalto marca um “novo começo” na relação entre Brasil e Venezuela. Guaidó também afirmou que a “luta” dele por democracia e liberdade na Venezuela é constitucional. O líder opositor venezuelano continuará se…

Com Palmeiras, Globo lidera média de audiência; RedeTV! fica em terceiro com Corinthians )

O final da noite da última quarta-feira (27) foi agitado e inusitado na TV aberta. Os rivais Corinthians e Palmeiras tiveram jogos transmitidos em emissoras concorrentes. A Globo transmitiu a vitória alviverde sobre o Ituano (3 a 2), no Allianz Parque, pelo Paulistão, e liderou a média de audiência entre os canais abertos. Com a classificação do Corinthians na Sul-Americana, a RedeTV! ficou em terceiro lugar.De acordo com dados obtidos peloTorcedores, o triunfo do Palmeiras teve17 pontose 27% de participação na Grande São Paulo, índices baixos para a Globo, que mesmo assim liderou a audiência. A partida entre Racing x Corinthians, pela primeira fase da Sul-Americana, que foi ao ar na RedeTV! das 21h28 às 23h45, teve 10 pontos de média, 16,3 pontos de pico e 15,8% de participação. Por 14 minutos consecutivos, durante o período da disputa por pênaltis vencida pelo Timão, a emissora de Osasco, que transmitiu a partida em parceria com o serviço de streaming DAZN, liderou a audiência. Bot…

Guaidó se reúne com embaixadores no Brasil

RENOVA Mídia. Na tarde desta quinta-feira (28), o presidente interino Juan Guaidó se encontrará com o presidente Jair Bolsonaro e com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. O presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, conversou na manhã desta quinta-feira (28) com embaixadores de diversas nações na sede da delegação da União Europeia em Brasília. Guaidó não será recebido com formalidades no Palácio do Planalto. Nesta quarta-feira (27), o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, afirmou que a visita a Bolsonaro terá caráter pessoal. Apesar de ter sido reconhecido pelo Brasil como presidente interino, o líder opositor venezuelano não subirá a rampa presidencial e, ao chegar no Palácio, se encaminhará diretamente ao gabinete de Bolsonaro. O encontro está marcado para as 14h. Após a conversa com o chefe do Executivo, Guaidó concederá uma entrevista à imprensa brasileira.

Mourão denuncia presença de cubanos entre militares da Venezuela

RENOVA Mídia. Em entrevista nesta quarta-feira (27), o general Mourão afirmou que uma guerra civil na Venezuela é um “cenário possível”. O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse que a crise na Venezuela está relacionada à presença de “20 a 60 mil” cubanos colocados pelo ditador Nicolás Maduro em setores de inteligência e segurança.

Maduro acusado de retirar 8 toneladas de ouro do BC

RENOVA Mídia. Ao menos oito toneladas de ouro foram removidas dos cofres do Banco Central da Venezuela na última semana. A medida é o sinal mais recente do desespero do ditador Nicolás Maduro para levantar recursos em meio a sanções cada vez mais duras dos Estados Unidos contra o país. Segundo a agência Reuters, a informação foi confirmada por um parlamentar da oposição e três fontes governamentais. O ouro foi retirado em veículos do regime entre quarta e sexta-feira da semana passada (20 a 22), quando não havia nenhum guarda regular no banco. “Eles planejam vender (o ouro) no exterior ilegalmente”, disse o parlamentar Angel Alvarado em entrevista. O banco central da Venezuela não se manifestou sobre as acusações. Como você viu na RENOVA, para garantir a lealdade do alto escalão militar, o ditador Maduro firmou acordos com seus generais oferecendo participações nas extrações de ouro e minérios.

Juan Guaidó já está no Brasil para se encontrar com Bolsonaro

Presidente interino chegou na madrugada desta quinta-feira (28) Guaidó fez pronunciamento na manhã deste sábado (23), na cidade de Cúcuta, na Colômbia,fronteira com a Venezuela. — Foto: REUTERS/Marco Bello

O presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, chegou, às 1h40 de hoje (28), em Brasília para se encontrar com o presidente Jair Bolsonaro. A reunião entre os dois está prevista para as 14h desta
quinta-feira (28). O encontro será no gabinete “pessoal” do presidente brasileiro, no Palácio do Planalto, de acordo com o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros. A recepção oficial fica a cargo do chanceler Ernesto Araújo. A assessoria da representante diplomática no Brasil indicada por Guaidó, Maria Teresa Belandria,informou que ele viria ao Brasil em uma voo da Força Aérea da Colômbia.

O Brasil, junto com diversos países da América e Europa, reconhecem Guaidó como o presidente
interino da Venezuela. O ditador Maduro fechou as fronteiras com o Brasil e a Colômbia desde a última s…

Urgente: Laudo da polícia confirma tiro em gabinete de Fernando Holiday O episódio ocorreu em dezembro do ano passado, após a votação da reforma da Previdência do município de São Paulo

O laudo pericial da Polícia Civil a respeito da marca no vidro no gabinete do vereador do MBL, Fernando Holiday, na Câmara Municipal de São Paulo, ficou pronto nesta segunda-feira, 25, e indicou que ela foi causada por um tiro de arma de fogo.

“Tal perfuração transfixiante (…) tinha as características compatíveis com a possibilidade de ter sido causada por projétil disparado por arma de fogo, com orientação: de fora para dentro do referido imóvel”, diz o texto.

O caso ocorreu em dezembro do ano passado, após a votação e aprovação da reforma da Previdência da cidade de São Paulo, marcada por tumultos dentro e fora da Câmara Municipal. Holiday foi o relator da proposta de reforma na Câmara.


Durante as manifestações que ocorriam fora da Câmara, após acenar para manifestantes, uma das janelas do gabinete do vereador foi alvejada pelo tiro, tratando-se claramente de uma tentativa de homicídio contra o vereador.

As informações são do Estadão

Trump e Kim encerram encontro sem acordo e antes do previsto

RENOVA Mídia. O encontro entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, terminou sem acordo. Os dois chefes de estado fizeram nova série de reuniões em Hanói, no Vietnã, nesta quinta-feira (28), mas a cúpula acabou antes do previsto sem assinatura de novo tratado. Em coletiva de imprensa, Donald Trump disse que a Coreia do Norte exigia o fim de todas as sanções impostas ao regime de Kim Jong Un. O presidente dos Estados Unidos não concordou com a retirada de sanções e, portanto, decidiu não assinar o acordo. Segundo o G1, Trump ponderou: “A gente tinha os papéis prontos para serem assinados, mas prefiro fazer do jeito certo do que fazer correndo.” Sem acordo, os dois líderes deixaram a reunião mais de uma hora antes do previsto. Nem mesmo o almoço com as delegações dos dois países aconteceu.

Lula entra na loucura e reconhece Zé de Abreu como presidente do Brasil

Petista sabem passar vergonha.


A mais nova obra de ficção da esquerda brasileira, a autoproclamação do ator da Globo, Zé de Abreu, como presidente da República, acaba de atingir um novo nível de senilidade: o reconhecimento do ex-presidente Lula.


O petista, que está preso em Curitiba para cumprir pena por ter sido condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, escreveu um bilhete: “Aos amigos do [blog]247, parabéns pela entrevista do Zé de Abreu, ele já está com cara de presidente! Sou cabo eleitoral do Zé de Abreu. Leonardo [Attuch] dê um grande abraço ao nosso presidente Zé de Abreu!”

Além de Lula, outras lideranças petistas e blogs da esgotosfera entraram na loucura.

O ator da Globo se autoproclamou presidente para ironizar o ato de Juan Guaidó, presidente da Assembleia Legislativa da Venezuela, que se autoproclamou presidente interino no lugar de Maduro. Guaidó, ao contrário de Zé de Abreu, já teve sua legitimidade reconhecida por mais de 50 países e luta para a chegada de aju…

Ricardo Salles relata ataque do MST na Bahia

Ricardo Salles disse a colegas de ministério que manifestantes do MST e do PCO cercaram o carro em que ele estava no Parque Nacional do Pau-Brasil, em Porto Seguro, na Bahia.

Eles quebraram o vidro de um dos carros e subiram no teto do veículo. Salles não sofreu agressão física, mas classificou o ato como de “extrema violência”.

O ministro do Meio Ambiente também postou no Instagram mensagem em que classificou o episódio como “uma vergonha”. Junto com a mensagem, uma foto do carro depredado e um vídeo que mostra as ameaças dos manifestantes.Clique no link abaixo para ver as imagens.

Delação da OAS atinge 21 políticos de oito partidos

As declarações foram feitas em acordos de delação premiada fechados com a Operação Lava Jato. Executivos da empreiteira OAS afirmaram à Justiça terem pago cerca de R$ 125 milhões em propinas ou doações via caixa dois a 21 políticos de oito partidos. Os nomes incluem o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e outros políticos que ainda estão no Congresso, como o deputado Aécio Neves (PSDB-MG) e os senadores José Serra (PSDB-SP) e Jaques Wagner (PT-BA). Outros delatados não conseguiram renovar mandato no Legislativo federal na última eleição. É o caso do ex-presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), e dos senadores Edison Lobão (MDB-MA) e Lindbergh Farias (PT-RJ). A delação dos executivos da OAS foi homologada pelo relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Edson Fachin, em maio do ano passado, informa O Globo. Caso denúncias sejam geradas pelas delações da empreiteira e, eventualmente, processos, os parlamentares que estão no cargo não deverão te…

Gasto de governo Bolsonaro com publicidade é menos de 1% de Lula, Dilma e FHC juntos

O Presidente Jair Bolsonaro falou sério quando anunciou que os contratos de publicidade seriam cortados ou minimizados ao máximo possível.

Ao todo, conforme informa o perfil Isentões, no Twitter, Fernando Henrique Cardoso gastou R$ 4,8 bilhões, e Lula e Dilma juntos gastaram R$ 29,7 bilhões. A soma astronômica chega a R$ 34,5 bilhões.

Em contraponto, interessado em acabar com a farra com o dinheiro público feita pelos governos anteriores em conluio com os grandes canais de mídia, Bolsonaro gastou até o momento R$ 150 milhões, ou seja, muito menos de 1% da soma dos outros governos.
A SECOM é o órgão da Presidência do Brasil responsável pela liberação de verbas e gerenciamento de contratos publicitários firmados pelo Governo Federal. Para 2019, o Congresso liberou 150 milhões. Veja a diferença orçamentaria ao comparar os governos de FHC, Lula e Dilma. pic.twitter.com/7bp2mtzUey — Isentões (@lsentoes) February 22, 2019 Os valores foram informados pela SECOM, e explicam o motivo da imprensa…

Duterte diz que Igreja Católica desaparecerá em até 25 anos

RENOVA Mídia. Em discurso inflamado e cheio de palavrões, o presidente das Filipinas atacou mais uma vez a Igreja Católica Romana.Rodrigo Duterte garantiu que a Igreja Católica não sobreviverá por muito tempo com todas as controvérsias em torno de seu clero. Durante discurso na última segunda-feira (25), na capital Manila, segundo o Sputnik, Duterte afirmou: “Essa Igreja Católica desaparecerá. Em até 25 anos, desaparecerá. As pessoas vão esquecer isso.”