Pular para o conteúdo principal

Flordelis fala em velório: “A obra do Senhor não vai parar”

Deputada buscou forças em Deus e também louvou


Velório do pastor Anderson do Carmo acontece na Cidade do Fogo


Na noite deste domingo (16), acontece o velório do pastor Anderson do Carmo, na Cidade do Fogo, em São Gonçalo, Niterói. Apesar de abalada, a cantora e deputada federal Flordelis, compareceu e conseguiu louvar a Deus.
No púlpito da igreja liderada por ela ao lado de seu falecido marido, Flordelis demonstrou fé e força.
– Haja o que houver, a obra não pode sofrer. Sofra eu, mas não sofra a obra. A obra não vai parar. Nada vai deter a Igreja. A Igreja do Senhor Jesus vai continuar avançando – declarou.
A parlamentar disse ainda que sempre conversou sobre tudo com o marido e que eles tinham um acordo de não parar mesmo diante de uma possível perda.
– Nós sempre tivemos isso combinado, sempre conversamos sobre tudo. Sempre fazíamos muita coisa juntos e agora vou ter que fazer muita coisa sozinha. Laranjal vai ser inaugurado. O CIM 2019 vai acontecer e todo esse povo vai estar junto com a gente porque a obra não é para o homem, a obra é de Deus – falou.
O sepultamento do pastor será realizado no Memorial Parque Nycteroy, nesta segunda-feira, às 11 horas.
O CASO
O pastor Anderson do Carmo, esposo da cantora e deputada federal Flordelis, foi morto, na madrugada deste domingo (16). Os dois voltavam para casa, em Niterói (RJ), após uma confraternização e, na altura do bairro de São Francisco, Flordelis teve a impressão de estarem sendo seguidos por duas motos.
Já em casa, Anderson foi até a garagem buscar algo no carro quando foi baleado com 15 tiros pelos criminosos. O veículo da família, um Honda Accord LX, também foi alvejado.
O pastor chegou a ser levado com vida para o Hospital Niterói D’Or, no bairro Santa Rosa, mas não resistiu. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói (DHNSG), que periciou o local do crime.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cuba, Venezuela, Bolívia, Angola, Guiné Equatorial e Congo não investirão mais no Brasil se Bolsonaro for eleito.

Bolsonaro já disse, não tem acordo com a esquerda, países como, Cuba, Venezuela, Bolívia, Angola, Guiné equatorial, Congo e entre outros, não levarão nenhum centavo do povo brasileiro.

O Paí já colocou R$ 42 Bilhões na Ilha que ficou mais conhecida como Ilha de Fidel. Dinheiro que poderia modernizar nossos aeroportos, portos e rodovias.
Uma risonha presidente Dilma Rousseff inaugurou, ao do ditador cubano Raúl Castro, a primeira fase do Porto de Mariel, em Havana.

 Na época a presença de Dilma se devai a uma razão principal : a conta foi paga por ela- na verddae, por todos os brasieliros. O Mariel custou US$ 957 milhões de dólares, dos quais US4 802 milhões vieram de financiamento concedido pelo banco nacional de Desenvolvimento Econômico e Social(BNDES).

 O montante equivale a 2 bilhões. Dinheiro que poderia modernizar nossos aeroportos, portos e rodovias.

Istoé notícia-Jornal 21 Brasil

TSE suspende propaganda do PT que associa Bolsonaro à tortura

Luis Felipe Salomão, do TSE, suspendeu a propaganda eleitoral em que a coligação petista associa Jair Bolsonaro à ditadura e à tortura.

O ministro atendeu o pedido da defesa de Bolsonaro, que alegou que o programa veiculado viola a lei eleitoral, “uma vez que incute medo na população ao sugerir que se o candidato Jair Bolsonaro for eleito vai perseguir e torturar eventuais opositores políticos”.

“O tribunal tem feito um esforço no sentido de elevar o nível do debate para se evitar a disseminação desse clima de pânico que estão criando”, disse o advogado de Bolsonaro, Tiago Ayres, a O Antagonista.

Cid Moreira reaparece e comove o Brasil: ”Vivo minha fase final”

Apresentador que marcou a história do ‘Jornal Nacional’ fala sobre os 90 anos. Famoso durante muito tempo por dar o ‘boa noite’’ no ‘’Jornal Nacional’’, Cid Moreira agora é mais conhecido por ser a ‘’’voz de Deus’’ [VIDEO]. Aos 90 anos de idade, o jornalista investe o seu tempo nas narrações de textos bíblicos e comove milhares de cristãos. Cid Moreira recusou-se a fazer propaganda milionária ao lado de Fátima Bernardes Cid é casado com Fátima Moreira há 16 anos e deu uma entrevista ao portal de notícias UOL sobre o fato de estar completando 90 anos com a saúde em dia. “Vivo minha fase final”, afirmou. Entre os muitos fatos pitorescos de sua vida narrados na reportagem, Moreira revela que se recusou a receber R$ 2 milhões para fazer uma propaganda de carne ao lado de Fátima Bernardes. A celebridade, na época, teria recebido R$ 5 milhões para o comercial. O jornalista também chegou a injetar silicone líquido no rosto, o que o fez quase perder a visão de um dos olhos. Filho processa Ci…